Busca avançada
Ano de início
Entree

Efeito da fototerapia com laser em baixa intensidade em processos inflamatórios agudos

Processo: 08/04520-0
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de novembro de 2008 - 31 de outubro de 2010
Área do conhecimento:Engenharias - Engenharia Biomédica - Bioengenharia
Pesquisador responsável:Martha Simões Ribeiro
Beneficiário:Martha Simões Ribeiro
Instituição-sede: Instituto de Pesquisas Energéticas e Nucleares (IPEN). Secretaria de Desenvolvimento Econômico (São Paulo - Estado). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Fototerapia  Terapia a laser de baixa intensidade  Condições patológicas, sinais e sintomas  Inflamação  Reação em cadeia por polimerase (PCR) 

Resumo

A fototerapia com laser em baixa intensidade pode trazer muitos benefícios terapêuticos, no entanto, muito pouco se conhece a respeito dos parâmetros ideiais para bons resultados obtidos com esta terapia. Neste sentido, este trabalho tem o objetivo de avaliar a ação da fototerapia com laser em baixa intensidade sobre processos inflamatórios agudos dentro de diferentes condições dosimétricas. Serão utilizados 600 camundongos machos, divididos em brancos e marrons, que serão submetidos à indução de inflamação aguda através da injeção de carragenina subplantar. O volume da pata será mensurado antes, 1, 2, 3 e 4 h depois da injeção usando um platismógrafo. Após 1 e 2 horas da injeção de carragenina, os animais serão irradiados com laser de baixa potência (laser de emissão infravermelha, l= 810nm) de acordo com os seguintes grupos experimentais (n=6): 1/30 (1 Joule e 30mW); 1/60 (1J e 60mW); 1/100 (1J e 100mW); 3/30 (3J e 30mW); 3/60 (3J e 60mw); 3/100 (3J e 100mW). Outros dois grupos não serão irradiados: o controle negativo (os animais serão apenas submetidos ao edema) e o controle positivo (após 1h da indução do edema os animais receberão uma alta dose de antiinflamatório diclofenaco de sódio 1mL/Kg). A avaliação da ação da fototerapia sobre a inflamação aguda será realizada a partir da técnica de RT-PCR para COX-2 e COX-1, e outras técnicas para avaliação do edema, PGE2 , nitrotirosina e mieloperoxidase (MPO). Os dados obtidos serão submetidos ao teste de normalidade e o melhor teste estatístico será utilizado. A atenuação da luz em pata inflamada e sadia também será avaliada. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
MENEGUZZO, DAIANE THAIS; LOPES, LUCIANA ALMEIDA; PALLOTA, RODNEY; SOARES-FERREIRA, LEILA; BRANDAO LOPES-MARTINS, RODRIGO ALVARO; RIBEIRO, MARTHA SIMOES. Prevention and treatment of mice paw edema by near-infrared low-level laser therapy on lymph nodes. Lasers in Medical Science, v. 28, n. 3, p. 973-980, MAY 2013. Citações Web of Science: 16.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.