Busca avançada
Ano de início
Entree

Producao de sementes de pupunheira (bactris gasipaes kinth): respostas a adicao de potassio, boro e zinco.

Resumo

A busca por melhoria de qualidade de vida quer seja através do consumo de alimentos saudáveis ou pela valorização de um meio ambiente limpo e sustentável, está provocando uma mudança no modelo de exploração de palmito no Brasil, cuja atividade fora, até a década de 80, apenas pelo extrativismo das palmeiras juçara (Euterpe edulis Mart.) e açaí (Euterpe oleracea Mart.). A partir dessa década teve início, de fato, o agronegócio do palmito por meio do cultivo tecnificado da pupunheira (Bactris gasipaes Kunth). No entanto, a expansão desse cultivo está limitada pela escassez de sementes de material propagativo de qualidade, bem como pela falta de informações técnicas sobre a produção de sementes. Estima-se que a demanda anual brasileira por sementes de pupunheira seja da ordem de 90 toneladas, sendo que apenas 10% é suprido por material cultivado em solo brasileiro. Enquanto as regiões litorâneas são mais adequadas à produção de palmito, são as regiões do planalto as mais aptas para a produção de sementes. Dessa forma, essas regiões poderiam se tornar produtoras de sementes melhoradas, um nicho de mercado pouco explorado em nosso país, mas de alto rendimento. A produção de sementes de pupunheira é resultado de uma inter-relação entre material genético, adubação balanceada, insetos polinizadores e clima. No que se refere ao material genético, o IAC mantém desde 1992 um Banco Ativo de Germoplasma (BAG) de pupunheira onde se detectaram materiais com características superiores para produção de palmito. Quanto à adubação, há trabalhos somente com relação a seus efeitos na produção de palmito, ou seja, na fase vegetativa da cultura. No entanto, sabe-se que, para manifestação adequada da fase reprodutiva, outros nutrientes podem ter diferentes graus de importância. O objetivo do presente projeto é estudar o efeito da aplicação de potássio, boro e zinco, via solo, sobre a produção de sementes de pupunheiras geneticamente superiores do BAG de pupunheira do IAC, sediado no Pólo Regional Centro Norte (APTA/Regional), em Pindorama. Tal estudo, agregado a outros em andamento no IAC, teria como objetivo final desenvolver técnicas e identificar procedimentos fitotécnicos que propiciem produção de sementes de pupunheira em larga escala e com elevado padrão de qualidade, com vistas a diminuir a escassez de sementes e estimular a expansão do agronegócio de palmito, baseado nos princípios da sustentabilidade. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre o auxílio:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)