Busca avançada
Ano de início
Entree

Avaliação de tolerância à seca em cultivares comerciais de cana-de-açúcar por meio de marcadores morfo-fisiológicos

Processo: 08/57068-8
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Programa BIOEN - Regular
Vigência: 01 de março de 2009 - 28 de fevereiro de 2011
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Agronomia - Fitotecnia
Pesquisador responsável:Marcelo de Almeida Silva
Beneficiário:Marcelo de Almeida Silva
Instituição-sede: Agência Paulista de Tecnologia dos Agronegócios (APTA). Secretaria de Agricultura e Abastecimento (São Paulo - Estado). Campinas , SP, Brasil
Assunto(s):Cana-de-açúcar  Produção agrícola  Escassez de água  Secas  Tolerância  Melhoramento genético vegetal 

Resumo

A seca é um dos principais fatores limitantes para a produtividade agrícola ao redor do mundo. Com a expansão da área de plantio da cana-de-açúcar para regiões brasileiras caracterizadas por apresentarem deficiência hídrica por longos períodos durante o ano, torna-se essencial a obtenção de germoplasma de cana-de-açúcar tolerante. Identificar ferramentas adequadas de seleção e características quantificáveis podem facilitar o processo de melhoramento da cultura para tolerância de seca. No presente projeto será avaliada a habilidade de alguns parâmetros morfo-fisiológicos para distinguir entre tolerante e susceptíveis 16 genótipos e duas cultivares padrões de cana-de-açúcar. O ensaio em casa de vegetação será feito em vasos em Jaú (SP). Aos 60 dias após o plantio serão iniciados os tratamentos sem deficiência hídrica (+W) e com deficiência hídrica (-W). Ao tratamento +W será fornecida água em quantidade necessária para manter os vasos com conteúdo de água ideal para o desenvolvimento das plantas, enquanto no tratamento -W os vasos serão mantidos com 50% do teor de umidade ideal. As avaliações serão realizadas em três épocas, 0 (E1), 30 (E2) e 60 (E3) dias após o início dos tratamentos. Serão feitas associações e correlações entre os resultados, a fim de identificar qual o(s) melhor(es) atributo(s) a ser(em) incorporado(s) no processo de seleção precoce de genótipos tolerantes à deficiência hídrica. Esses atributos funcionarão como marcadores morfológicos e/ou fisiológicos para essa tolerância. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
SILVA, MARCELO DE ALMEIDA; PINCELLI, RENATA PASSOS; BARBOSA, ALEXANDRIUS DE MORAES. WATER STRESS EFFECTS ON CHLOROPHYLL FLUORESCENCE AND CHLOROPHYLL CONTENT IN SUGARCANE CULTIVARS WITH CONTRASTING TOLERANCE. BIOSCIENCE JOURNAL, v. 34, n. 1, p. 75-87, JAN-FEB 2018. Citações Web of Science: 0.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.
Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.