Busca avançada
Ano de início
Entree

Isolamento e reação em cadeia pela polimerase (PCR) para Leptospira spp. em amostras renais e hepáticas de ovinos sorologicamente positivos e negativos para leptospirose, abatidos em matadouro, procedentes do estado de São Paulo

Processo: 08/53714-2
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de julho de 2008 - 30 de junho de 2010
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Medicina Veterinária - Medicina Veterinária Preventiva
Pesquisador responsável:Simone Baldini Lucheis
Beneficiário:Simone Baldini Lucheis
Instituição-sede: Agência Paulista de Tecnologia dos Agronegócios (APTA). Secretaria de Agricultura e Abastecimento (São Paulo - Estado). Campinas , SP, Brasil
Assunto(s):Saúde pública veterinária  Leptospirose  Leptospira  Ovinos  Reação em cadeia por polimerase (PCR)  Saneamento de matadouros 

Resumo

Nos últimos anos, a ovinocultura reapareceu na região Sudeste do Brasil, principalmente no Estado de São Paulo, como solução econômica para os pecuaristas de pequeno e médio porte, verificando-se a ocorrência não só do aumento no efetivo dos rebanhos, mas também do número de propriedades envolvidas nesta atividade. De acordo com especialistas, a principal causa deste fato se deve ao aumento na demanda de carne ovina consumida, mais especificamente da carne de cordeiro, verificada nos centros de maior consumo, como a região da Grande São Paulo e, ainda, em cidades de maior porte do interior, tais como Campinas, Ribeirão Preto, Sorocaba, Bauru e São José do Rio Preto. Com a sensibilização dos produtores para a necessidade de se trabalhar em conjunto para viabilizar a atividade, o setor tem-se organizado para tornar a atividade competitiva no mercado e buscar um produto de qualidade. Entretanto, se houver um estado sanitário deficiente, presente na criação de ovinos, juntamente com a ausência ou uso inadequado de tecnologias, poderá haver baixa produção e a instalação de doenças nos rebanhos, sendo a comercialização da carne destes animais um perigo à saúde pública. Uma das enfermidades mais representativas no tocante às doenças de caráter zoonótico, que afeta os animais de produção, é a leptospirose, causada pela Leptospira spp. A infecção do rebanho ovino por leptospiras leva a sérios prejuízos econômicos, representados por distúrbios fisiológicos e alterações reprodutivas. Nesse contexto, pretende-se verificar a ocorrência de anticorpos anti-leptospiras em ovinos abatidos em matadouro, procedentes de Bauru (SP) e região, bem como pesquisar o DNA do agente pela prova de Reação em Cadeia pela Polimerase (PCR) em fragmentos de fígado e rins e isolamento a partir destes tecidos, em meio Ellinghausen-McCullough-Johnson-Harris (EMJH) modificado. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
PRISCILA BARBANTE; FABIO H SHIMABUKURO; HELIO LANGONI; VIRGÍNIA B RICHINI-PEREIRA; SIMONE B LUCHEIS. Leptospira spp. infection in sheep herds in southeast Brazil. Journal of Venomous Animals and Toxins including Tropical Diseases, v. 20, p. -, Jun. 2014.
BARBANTE, PRISCILA; SHIMABUKURO, FABIO H.; LANGONI, HELIO; RICHINI-PEREIRA, VIRGINIA B.; LUCHEIS, SIMONE B. Leptospira spp. infection in sheep herds in southeast Brazil. Journal of Venomous Animals and Toxins including Tropical Diseases, v. 20, MAY 6 2014. Citações Web of Science: 1.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.