Busca avançada
Ano de início
Entree

Estabelecimento de um laboratório de microbiologia aplicada no Parque Zoológico de São Paulo: identificação e isolamento de microorganismos que produzam enzimas e seus inibidores de aplicação nas áreas médica, veterinária e industrial

Processo: 09/52030-5
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de fevereiro de 2010 - 31 de julho de 2012
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Microbiologia - Microbiologia Aplicada
Pesquisador responsável:Luiz Juliano Neto
Beneficiário:Luiz Juliano Neto
Instituição-sede: Fundação Parque Zoológico de São Paulo (ZOO). Secretaria do Meio Ambiente (São Paulo - Estado). São Paulo , SP, Brasil
Bolsa(s) vinculada(s):10/20351-4 - Padronização da metodologia de extração de DNA e montagem e manutenção de biblioteca de clones de metagenoma da compostagem do Parque Zoológico de São Paulo, BP.TT
10/13397-8 - Estabelecimento de um Laboratório de Microbiologia Aplicada no Zoológico de São Paulo: identificação e isolamento de microrganismos que produzam enzimas e seus inibidores de aplicação nas áreas médica, veterinária e industrial, BP.TT
10/06709-3 - Estabelecimento de um Laboratório de Microbiologia Aplicada no Zoológico de São Paulo: identificação e isolamento de microrganismos que produzam enzimas e seus inibidores de aplicação nas áreas médica, veterinária e industrial, BP.TT
Assunto(s):Microbiologia ambiental  Enzimas hidrolíticas  Metagenômica 

Resumo

A Fundação Parque Zoológico de São Paulo (FPZSP) possui uma unidade de compostagem (UPCO) que aproveita a matéria orgânica de várias origens como: excremento de animais, oriundos de varias partes do mundo, carcaças, sedimentos e coluna de água do lago, restos de cama de animais, resíduos de poda dos jardins do Parque, restos vegetais da mata atlântica e resíduos alimentares. Atualmente este material destina-se a fertilização de áreas agrícolas do Zoológico, as quais produzem grande parte dos alimentos que são consumidos pelos animais do Parque, fechando assim um ciclo de sustentabilidade. Além disso, a compostagem evita que a matéria orgânica seja depositada em aterros sanitários, aumentando o volume de lixo. A riqueza microbiológica deste material é incalculável, visto que ali poderão ser encontradas inúmeras espécies que ainda não foram descritas e/ou cultivadas. Baseado nisso, foi instalada uma parceria entre a UNIFESP e FPZSP para nuclear um programa de microbiologia aplicada com o objetivo de prospectar esta diversidade e aplicá-la em processos biotecnológicos. O objetivo geral deste projeto é isolar, preservar e caracterizar os microrganismos da compostagem, bem como avaliar a sua aplicabilidade. Nossos dados preliminares demonstram que os métodos tradicionais de isolamento e preservação podem ser utilizados na prospecção dos microrganismos cultiváveis da compostagem, no entanto, estima-se que a maior parte dos microrganismos que habitam este material não seja passível de cultivo, portanto, a diversidade da microflora nos vários estágios de maturação da compostagem deverá ser avaliada por meio de metagenômica, o que será feito em colaboração com o pesquisadores do Instituto de Química da USP. Os microrganismos isolados serão identificados por espectrometria de massa (MALDI/TOF-MS) uma metodologia que está sendo implementada no laboratório de Biofísica do INFAR/UNIFESP. Finalmente, os isolados da compostagem serão testados para produção de enzimas de grande interesse industrial, como as celulases, amilase e proteases. A expectativa é que este projeto de pesquisa gere novas ferramentas de aplicação biotecnológica e uma coleção de microrganismos e genes provenientes de um nicho ecológico ainda não explorado. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Revista Pesquisa FAPESP sobre o auxílio::
Menos bichos mais pesquisas  

Publicações científicas (4)
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
OLIVEIRA, LILIAN C. G.; RAMOS, PATRICIA LOCOSQUE; MAREM, ALYNE; KONDO, MARCIA Y.; ROCHA, RAFAEL C. S.; BERTOLINI, THIAGO; SILVEIRA, MARGHUEL A. V.; DA CRUZ, JOAO BATISTA; DE VASCONCELLOS, SUZAN PANTAROTO; JULIANO, LUIZ; OKAMOTO, DEBORA N. Halotolerant bacteria in the Sao Paulo Zoo composting process and their hydrolases and bioproducts. Brazilian Journal of Microbiology, v. 46, n. 2, p. 347-354, APR-JUN 2015. Citações Web of Science: 3.
MARTINS, LAYLA FARAGE; ANTUNES, LUCIANA PRINCIPAL; PASCON, RENATA C.; FRANCO DE OLIVEIRA, JULIO CEZAR; DIGIAMPIETRI, LUCIANO A.; BARBOSA, DEIBS; PEIXOTO, BRUNO MALVEIRA; VALLIM, MARCELO A.; VIANA-NIERO, CRISTINA; OSTROSKI, ERIC H.; TELLES, GUILHERME P.; DIAS, ZANONI; DA CRUZ, JOAO BATISTA; JULIANO, LUIZ; VERJOVSKI-ALMEIDA, SERGIO; DA SILVA, ALINE MARIA; SETUBAL, JOAO CARLOS. Metagenomic Analysis of a Tropical Composting Operation at the Sao Paulo Zoo Park Reveals Diversity of Biomass Degradation Functions and Organisms. PLoS One, v. 8, n. 4 APR 24 2013. Citações Web of Science: 55.
OLIVEIRA, LILIAN C. G.; SILVA, VINICIUS O.; OKAMOTO, DEBORA N.; KONDO, MARCIA Y.; SANTOS, SAARA M. B.; HIRATA, ISAURA Y.; VALLIM, MARCELO A.; PASCON, RENATA C.; GOUVEA, IURI E.; JULIANO, MARIA A.; JULIANO, LUIZ. Internally quenched fluorescent peptide libraries with randomized sequences designed to detect endopeptidases. Analytical Biochemistry, v. 421, n. 1, p. 299-307, FEB 1 2012. Citações Web of Science: 19.
BITENCOURT, ANA LUISA V.; VALLIM, MARCELO A.; MAIA, DANIELA; SPINELLI, RAFAEL; ANGELONI, RENATA; PRINCIPAL, LUCIANA; SOUZA, ELISANGELA; PASCON, RENATA C. Core sampling test in large-scale compost cells for microorganism isolation. African Journal of Microbiology Research, v. 4, n. 15, p. 1631-1634, AUG 4 2010. Citações Web of Science: 5.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.
Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.