Busca avançada
Ano de início
Entree

Zoneamento de risco de inundações como ferramentas de planejamento ambiental em bacias hidrográficas - estudo de caso: Bacia do Rio Bonito (SP)

Resumo

A maioria dos problemas ambientais e econômicos de uma região tem sua origem na falta de planejamento baseado no conhecimento das dinâmicas ambiental e socioeconômica. Observa-se que a gestão das águas se apresenta complexa, visto que a água é ambiente de sobrevivência de diversas espécies, incluindo o homem. Para enfrentar os problemas que envolvem os recursos hídricos, a Agenda 21 e concomitantemente o Plano Estadual de Recursos Hídricos do Estado de São Paulo (leis n.º 7663 e 9034, de 27 de dezembro de 1994) recomendam a utilização de abordagem integrada envolvendo a bacia de drenagem, isto é, uma avaliação significativa de como ocorrem as relações entre meios bióticos e abióticos de uma bacia e seus recursos hídricos. Como produto final da pesquisa, objetiva-se um zoneamento de risco à inundação na Bacia do Rio Bonito (Descalvado, SP), auxiliando no planejamento e gestão integrados dos recursos hídricos da região, enfocando-se a sua sustentabilidade (AU)