Busca avançada
Ano de início
Entree

Efeito da reposição estrogênica e do tratamento insulínico prolongado sobre as glândulas salivares de camundongos espontaneamente diabéticos

Processo: 08/55521-7
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de novembro de 2008 - 31 de outubro de 2010
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Morfologia - Anatomia
Pesquisador responsável:Eduardo José Caldeira
Beneficiário:Eduardo José Caldeira
Instituição-sede: Faculdade de Medicina de Jundiaí (FMJ). Prefeitura Municipal de Jundiaí. Jundiaí , SP, Brasil
Assunto(s):Terapia de reposição hormonal  Diabetes mellitus  Receptor de insulina  Receptores estrogênicos  Glândulas salivares 

Resumo

O diabetes mellitus afeta o funcionamento de diferentes órgãos, destacando-se o comprometimento da produção da saliva pelas glândulas salivares. É conhecido que a diminuição nos níveis de hormônios estrogênicos e outros elementos podem intensificar estes danos morfofuncionais provenientes do diabetes mellitus. Contudo, a ação terapêutica da reposição conjunta de hormônio sexual feminino e insulina sobre estes tecidos glandulares ainda não é totalmente conhecida. O objetivo do presente estudo será caracterizar o efeito da reposição estrogênica e insulínica sobre a morfologia das células responsáveis pelo processo secretor, bem como sobre a expressão dos receptores α-estrogênicos, receptores dos fatores de crescimento insulina-símile (IGF-IR) e receptores de insulina (INSR) em glândulas salivares de camundongos espontaneamente diabéticos. Um total de 25 camundongos fêmeas serão divididos em cinco grupos: Grupo I com 5 Nod diabéticos positivos, Grupo II com 5 Nod diabéticos positivos tratados com insulina, Grupo III com 5 Nod diabéticos positivos tratados com estrógeno, Grupo IV com 5 animais Nod diabéticos positivos tratados com insulina e estrógeno e Grupo V com 5 animais controles Balb/C. Os grupos II e IV receberão insulina após 20 dias da expressão do diabetes, administrada diariamente por um período de 20 dias, sendo que os animais do grupo IV também receberão estrógeno. Os animais do grupo III receberão apenas reposição estrogênica seguindo o mesmo protocolo. Os camundongos do grupo I e V receberão diariamente solução fisiológica pelo mesmo período para simular as condições experimentais. Durante o período experimental se fará monitoramento glicêmico e análise dos níveis de estrógeno. Após término do período experimental, amostras das glândulas salivares serão obtidas para análises estereológica, morfológica geral e de imunohistoquímica para receptores α-estrogênicos, IGF-IR e INSR. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
YASHIDA, MONICA HAYASHI; DOMINGUES DA SILVA FARIA, ANA LUYZA; CALDEIRA, EDUARDO JOSE. Estrogen and Insulin Replacement Therapy Modulates the Expression of Insulin-Like Growth Factor-I Receptors in the Salivary Glands of Diabetic Mice. Anatomical Record-Advances in Integrative Anatomy and Evolutionary Biology, v. 294, n. 11, p. 1930-1938, NOV 2011. Citações Web of Science: 5.
MAEKAWA, ELIANA TIEMI; MAIORAL, EBER EMANUEL; METIDIERI, HUGO TADEU; PICARDI, PATY KAROL; CALDEIRA, EDUARDO JOSE. Recovery of INS-R and ER-alpha expression in the salivary glands of diabetic mice submitted to hormone replacement therapy. ARCHIVES OF ORAL BIOLOGY, v. 56, n. 10, p. 1129-1136, OCT 2011. Citações Web of Science: 6.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.
Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.