Busca avançada
Ano de início
Entree

Avaliação imuno-histoquímica e molecular da caveolina-1,interleucina-8 laminina-5 e maspin como marcadores prognósticos e preditivos nas neoplasias mamárias de mulheres

Processo: 07/59843-6
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de outubro de 2008 - 30 de setembro de 2010
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Medicina - Anatomia Patológica e Patologia Clínica
Pesquisador responsável:Debora Aparecida Pires de Campos Zuccari
Beneficiário:Debora Aparecida Pires de Campos Zuccari
Instituição-sede: Faculdade de Medicina de São José do Rio Preto (FAMERP). Secretaria de Desenvolvimento Econômico (São Paulo - Estado). São José do Rio Preto , SP, Brasil
Bolsa(s) vinculada(s):10/04999-4 - Avaliação imuno-histoquímica e molecular da caveolina-1, interleucina-8, laminina-5 e Maspin como marcadores prognósticos e preditivos nas neoplasias mamárias de mulheres, BP.TT
10/03722-9 - Avaliação imuno-histoquímica e molecular da caveolina-1, interleucina-8, laminina-5 e Maspin como marcadores prognósticos e preditivos nas neoplasias mamárias de mulheres, BP.TT
08/10351-7 - Avaliação imuno-histoquímica e molecular da caveolina-1, interleucina-8, laminina-5 e Maspin como marcadores prognósticos e preditivos nas neoplasias mamárias de mulheres, BP.TT
08/10352-3 - Avaliação imuno-histoquímica e molecular da caveolina-1, interleucina-8, laminina-5 e Maspin como marcadores prognósticos e preditivos nas neoplasias mamárias de mulheres, BP.TT
Assunto(s):Imuno-histoquímica  Cultura de células  Genes supressores de tumor  Neoplasias mamárias 

Resumo

O estudo da expressão de marcadores prognósticos e preditivos do câncer de mama têm se revelado importante ferramenta de trabalho na rotina diagnóstica e de pesquisa. Estudos sugerem que a função dos genes caveolina-1 e maspin no câncer seria a inibição da invasão e metástase, funcionando assim como supressores tumorais. Considera-se que o gene caveolina-1 atue como um gene modificador tumoral e de metástases. Já o maspin, que foi inicialmente identificado em células epiteliais mamárias normais, tem sua expressão diminuída na progressão tumoral. A interleucina-8 (IL-8) é produzida por uma enorme variedade de células em resposta a diferentes estímulos inflamatórios, e estudos sugerem que a sua função no câncer seria a estimulação da invasão e metástase, funcionando assim como ativador do fenótipo metastático e também da angiogênese. A laminina-5 gama 2 é um importante componente dos hemidesmossomos, os quais são sítios de ligação especializados para a ancoragem das células epiteliais na membrana basal. A instabilidade dos hemidesmossomos ou a perda dos mesmos sugerem alterações na estabilidade entre junções epitélio-membrana basal, favorecendo a invasão e a migração de células tumorais. Com base nestas observações, o presente projeto pretende avaliar o potencial prognóstico da expressão imuno-histoquímica dos genes caveolina-1, maspin, interleucina-8 e laminina 5, e seu valor preditivo, na busca da resposta a terapias adjuvantes, impedindo o crescimento tumoral e o surgimento de metástases no câncer de mama. (AU)