Busca avançada
Ano de início
Entree

Biomarcadores urinários como indicadores de lesão renal na nefrotoxicidade causada pela ciclosporina A

Processo: 09/17100-2
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de fevereiro de 2010 - 31 de março de 2012
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Medicina - Clínica Médica
Pesquisador responsável:Emmanuel de Almeida Burdmann
Beneficiário:Emmanuel de Almeida Burdmann
Instituição-sede: Faculdade de Medicina de São José do Rio Preto (FAMERP). Secretaria de Desenvolvimento Econômico (São Paulo - Estado). São José do Rio Preto , SP, Brasil
Assunto(s):Ciclosporinas  Rim  Nefropatias  Nefrotoxicidade  Biomarcadores 

Resumo

O estabelecimento de biomarcadores que sejam indicadores precoces do desenvolvimento de doença renal pode ser útil na monitoração do uso da ciclosporina A (CsA). Para tanto, o presente estudo tem por objetivo caracterizar os possíveis marcadores urinários indicativos de lesão renal na toxicidade causada pela CsA em ratos, correlacionando estes marcadores ao desenvolvimento das alterações hemodinâmicas e estruturais nas fases aguda e crônica da lesão renal causada pelo fármaco. Assim, ratos Munich-Wistar, machos com aproximadamente 250 g, serão distribuídos em 6 grupos, onde a nefrotoxicidade da CsA será estudada em 3 fases: 7, 14 e 21 dias. Cada fase contará com um grupo CsA (15 mg/Kg/dia) e um veículo, com 8 animais cada. Ao término dos tratamentos, os animais serão colocados em gaiolas metabólicas, e ao final de 24 horas, submetidos à cirurgia para estudo da filtração glomerular (por depuração de inulina) e do fluxo sanguíneo renal. Serão determinadas dosagens de ciclosporina sanguínea, creatinina, sódio e potássio sanguíneos e urinários, verificação do hematócrito, osmolalidade urinária e microalbuminúria. Os rins serão utilizados no estudo histo-morfométrico para fibrose intersticial e imunoistoquímica para macrófago, osteopontina, TGF-beta, fibronectina, podocalixina, colágeno IV, alfa-SMA (alfa-actina) e vimentina. Ensaios ELISA serão utilizados para determinação dos marcadores urinários, conforme segue: podocalixina como marcador de injúria glomerular; KIM-1 (molécula 1 de lesão tubular proximal) como marcador de dano tubular proximal e lesão renal aguda; NGAL (lipocalina associada à neutrófilo-gelatinase) como marcador de lesão renal aguda; fibronectina, TGF-beta e colágeno IV como marcadores de fibrose; MCP-1, osteopontina, TNF-alfa e IL-6 como marcadores de macrófagos e inflamação. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
CARLOS, CARLA PATRICIA; SONEHARA, NATHALIA MARTINS; OLIANI, SONIA MARIA; BURDMANN, EMMANUEL A. Predictive Usefulness of Urinary Biomarkers for the Identification of Cyclosporine A-Induced Nephrotoxicity in a Rat Model. PLoS One, v. 9, n. 7 JUL 29 2014. Citações Web of Science: 16.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.
Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.