Busca avançada
Ano de início
Entree

Infecção pelo vírus de Epstein Barr (EBV) em receptores de transplante de células tronco-hematopoiéticas sob risco de Doença Linfoproliferativa Pós-Transplante (DLPT)

Resumo

O vírus de Epstein Barr é associado com um espectro de manifestações clínicas pós-transplante de células tronco-hematopoiéticas, variando desde sintomas leves e inespecíficos tais como febre, até quadros de neoplasia como a Doença Linfoproliferativa Pós-Transplante (DLPT). A DLPT é resultante da expansão oligoclonal ou monoclonal de células B latentemente infectadas pelo EBV em razão do uso de imunossupressores e consequente ausência de vigilância de células citotóxicas competentes. Nessa população, os principais fatores de risco para a DLPT são os transplantes com doadores não aparentados ou com incompatibilidade de HLA (mismatches), depleção de células T, uso de anticorpos anti-timócitos ou de monoclonais anti-CD3 e a Doença do Enxerto Contra o Hospedeiro (DECH) crônica. Há evidências de que o aumento da carga viral do EBV representa um maior risco de DLPT e inúmeros estudos têm utilizado a PCR em tempo real quantitativa no seguimento de pacientes sob risco de DLPT. Entretanto, não existe uma padronização da reação e a comparação das diferenças observadas entre os estudos não é possível. As principais diferenças na padronização incluem o gene alvo de amplificação no genoma do EBV, o intervalo de tempo entre as coletas, a amostra testada (sangue total, plasma ou leucócitos) e o valor do cut-off definindo o risco maior de DLPT. O presente estudo tem como objetivo implantar a PCR em tempo real quantitativa de EBV em centro de TCTH do interior do estado de São Paulo, comparar a carga viral do EBV em plasma, sangue total e em leucócitos e avaliar os respectivos valores preditivos no desenvolvimento de DLPT em receptores de TCTH de alto risco de reativação de EBV. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre o auxílio:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)