Busca avançada
Ano de início
Entree

Degradabilidade in situ e parâmetros ruminais do feno de Arachis pintoi cv. Belmonte em ovinos

Processo: 10/11145-1
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de outubro de 2010 - 31 de março de 2012
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Zootecnia - Nutrição e Alimentação Animal
Pesquisador responsável:Rosana Aparecida Possenti
Beneficiário:Rosana Aparecida Possenti
Instituição-sede: Instituto de Zootecnia. Agência Paulista de Tecnologia dos Agronegócios (APTA). Secretaria de Agricultura e Abastecimento (São Paulo - Estado). Nova Odessa , SP, Brasil
Pesq. associados:Mauro Sartori Bueno ; Waldssimiler Teixeira de Mattos
Assunto(s):Digestibilidade  Forragem  Amendoim  Ácidos graxos voláteis  Nitrogênio  Ruminantes  Ovinos 

Resumo

A leguminosa Arachis pintoi é uma espécie nativa dos Cerrados do Brasil que apresenta excelente adaptação a solos ácidos e com baixa fertilidade, alta produção de forragem, bem como alta capacidade de fixação de nitrogênio e tolerância ao sombreamento. Por produzir forragem de boa qualidade é crescente seu uso na substituição de rações comerciais na suplementação animal, podendo ser utilizada no pastejo direto ou na forma de feno ou silagem. No Brasil, o potencial das leguminosas e da produção de ovinos, torna importante o estudo das características digestivas dessas plantas. Os dados obtidos pelos métodos in vitro podem não ser os mais adequados para sua utilização na formulação de rações, portanto valores obtidos com animais têm maior relevância para o balanceamento das dietas. Existem poucas informações em relação ao comportamento ruminal do arachis e dados como de degradação da matéria seca, da proteína, produção de amônia e ácidos graxos voláteis do rúmen são importantes no estudo de caracterização e utilização do alimento para ruminantes. Este trabalho tem por objetivo avaliar o feno de Arachis pintoi cv. Belmonte pelo consumo de alimentos; produção de ácidos graxos voláteis, concentração de N-NH3 e pH do líquido ruminal; degradabilidade in situ da MS, FDN e PB do feno; digestibilidade in vitro da MS do feno. Espera-se encontrar no feno de arachis valores nutricionais comparáveis ou superiores a outras leguminosas, bem como um bom aproveitamento dos nutrientes, pois esta leguminosa não possui fatores tóxicos que interferem ou limitam sua utilização elevando a importância do uso da mesma na alimentação de ruminantes. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
FERNANDES, GISELE MACHADO; POSSENTI, ROSANA APARECIDA; DE MATTOS, WALDSSIMILER TEIXEIRA; SCHAMMASS, ELIANA APARECIDA; FERRARI JUNIOR, EVALDO. In situ degradability and selected ruminal constituents of sheep fed with peanut forage hay. ARCHIVES OF ANIMAL NUTRITION, v. 67, n. 5, p. 393-405, OCT 1 2013. Citações Web of Science: 3.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.