Busca avançada
Ano de início
Entree

Ecofisiologia de Bokermannohyla alvarengai (Bokermann 1956): uma espécie endêmica de campos rupestres

Processo: 10/05473-6
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de outubro de 2010 - 31 de março de 2013
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Fisiologia - Fisiologia Comparada
Pesquisador responsável:Denis Otavio Vieira de Andrade
Beneficiário:Denis Otavio Vieira de Andrade
Instituição-sede: Instituto de Biociências (IB). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Rio Claro. Rio Claro, SP, Brasil
Pesq. associados: Glenn J. Tattersall
Assunto(s):Balanço hídrico  Regulação da temperatura corporal 

Resumo

O conhecimento atual sobre a ecofisiologia de anfíbios brasileiros ainda é muito restrito. No entanto, conhecer as capacidades/limitações fisiológicas dos animais é essencial para o entendimento das implicações ecológicas e evolutivas de determinado modo de vida, além de sua importância para o delineamento de medidas de preservação. Em se tratando de anfíbios, porém, o que existe na maioria dos casos são informações fragmentadas (infelizmente de forma generalizada e não apenas no tocante a ecofisiologia) inclusive dentro de biomas considerados mundialmente prioritários, como é o caso do Cerrado. Dentro do bioma "Cerrado" há ainda que se considerar a situação de espécies que ocorrem em habitats particulares (como regiões de altitude) cujas características abióticas são especialmente desafiadoras para determinados modos de vida, o que resulta no aparecimento de especializações morfológicas, fisiológicas, comportamentais, dentre outras, todas relacionadas à sua ocupação. Bokermannohyla alvarengai (Bokermann 1956) é uma espécie que ocorre em regiões de campos rupestres ao longo dos domínios da Serra do Espinhaço, estado de Minas Gerais. Esta espécie parece ser de altíssimo interesse biológico por ocorrer em áreas de altitude, por ter o hábito de assoalhar (raro dentre os anuros) e por apresentar marcante mudança fisiológica de cor, possivelmente com implicações termo e osmorregulatórias. A despeito destas características de interesse, a ecofisiologia desta espécie, com a exceção de um único estudo produzido por nosso grupo, permanece completamente ignorada. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Revista Pesquisa FAPESP sobre o auxílio:
Lagartos teiú regulam temperatura corporal em períodos de acasalamento 

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
BOVO, RAFAEL P.; ANDRADE, DENIS V.; TOLEDO, LUIS FELIPE; LONGO, ANA V.; RODRIGUEZ, DAVID; HADDAD, CELIO F. B.; ZAMUDIO, KELLY R.; GUILHERME BECKER, C. Physiological responses of Brazilian amphibians to an enzootic infection of the chytrid fungus Batrachochytrium dendrobatidis. DISEASES OF AQUATIC ORGANISMS, v. 117, n. 3, p. 245-252, JAN 13 2016. Citações Web of Science: 7.
TATTERSALL, GLENN J.; LEITE, CLEO A. C.; SANDERS, COLIN E.; CADENA, VIVIANA; ANDRADE, DENIS V.; ABE, AUGUSTO S.; MILSOM, WILLIAM K. Seasonal reproductive endothermy in tegu lizards. SCIENCE ADVANCES, v. 2, n. 1 JAN 2016. Citações Web of Science: 29.
CENTENO, FERNANDA C.; ANTONIAZZI, MARTA M.; ANDRADE, DENIS V.; KODAMA, ROBERTO T.; SCIANI, JULIANA M.; PIMENTA, DANIEL C.; JARED, CARLOS. Anuran skin and basking behavior: The case of the treefrog Bokermannohyla alvarengai (Bokermann, 1956). Journal of Morphology, v. 276, n. 10, p. 1172-1182, OCT 2015. Citações Web of Science: 6.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.
Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.