Busca avançada
Ano de início
Entree

Tratamento de esgoto sanitário por reator anaeróbio seguido por sistema de lodos ativados, com remoção de DQO e nitrogênio: estratégia operacional, geração de energ elétrica e nova concepção de reator ANA

Processo: 10/51824-5
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de novembro de 2010 - 31 de outubro de 2014
Área do conhecimento:Engenharias - Engenharia Sanitária - Tratamentos de Águas de Abastecimento e Residuárias
Pesquisador responsável:José Roberto Campos
Beneficiário:José Roberto Campos
Instituição-sede: Escola de Engenharia de São Carlos (EESC). Universidade de São Paulo (USP). São Carlos , SP, Brasil
Assunto(s):Tratamento de águas residuárias  Esgotos sanitários  Reatores anaeróbios 

Resumo

O tema da pesquisa proposta envolve três linhas de ação (coerentes entre si) relacionadas com sistemas de tratamento de esgoto sanitário constituídos por reatores anaeróbios seguidos por reatores aerados. Parte da pesquisa será desenvolvida em dois reatores de bancada e parte será realizada em reatores em escala piloto (no caso dos reatores anaeróbios: apens; 18,8 m3, cada). Essa pesquisa envolve três tópicos distintos de grande interesse atual; e, portanto, será baseada em três enfoques principais: i) Estratégia operacional de reatores aerados alimentados com efluente de reatores anaeróbios, visando a "maximização" da eficiência (remoção de N e de DQO) e a "minimização" do consumo de energia elétrica; ii) Estudo da potencialidade de geração de energia elétrica nesses sistemas, mediante a instalação de eletrodos em ambientes anaeróbio e aeróbio; iii) Proposição de nova configuração de reatores anaeróbios visando redução de custos e elevação da eficiência de reatores do tipo UASB. Essa pesquisa gerará dois mestrados e dois doutorados. (AU)