Busca avançada
Ano de início
Entree

Interação biosfera-atmosfera em ecossistemas naturais e agroecossistemas: um monitoramento sobre cana-de-açúcar e cerrado

Processo: 99/11215-9
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Programa BIOTA - Regular
Vigência: 01 de janeiro de 2000 - 31 de dezembro de 2001
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Geociências - Meteorologia
Pesquisador responsável:Humberto Ribeiro da Rocha
Beneficiário:Humberto Ribeiro da Rocha
Instituição-sede: Instituto de Astronomia, Geofísica e Ciências Atmosféricas (IAG). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo, SP, Brasil
Assunto(s):Ecofisiologia  Cana-de-açúcar  Interação biosfera-atmosfera  Evapotranspiração  Cerrado  Mudança climática 
Publicação FAPESP:http://media.fapesp.br/bv/uploads/pdfs/Contribuições...climáticas_100_122_122.pdf

Resumo

Este projeto vai de encontro às propostas do Biota-SP, enfocando uma análise multidisciplinar da ecofisiologia de dois ecossistemas de alta relevância no estado de São Paulo, a cana-de-açúcar e o cerrado. Através da utilização de metodologias avançadas de medição das trocas da biosfera com a atmosfera, como o método de "eddy correlation", pretende-se estabelecer uma plataforma instrumental em dois sítios experimentais (cana-de-açúcar e cerrado), para realizar um monitoramento de longo prazo dos fluxos de superfície de água, energia e CO2 na interface biosfera-atmosfera. Contempla-se dessa forma estimar os balanços totais de água e carbono nos ecossistemas, quantificando seus potenciais como fontes ou sorvedouros em relação aos sistemas terrestres; adicionar informações sobre transpiração e fotossíntese e sua dependência das forçantes climáticas (temperatura, umidade, radiação e estresse hídrico): levantar indícios destes meios como seqüestrador de carbono atmosférico, e estabelecer uma referência para comparação dos ecossistemas cana-de-açúcar e cerrado como biomas regionais representativos e os impactos associados da conversão de vegetação. O sítio experimental sobre cana-de-açúcar já encontra-se implementado, e faz parte da rede organizada de fluxos de superfície Amerflux (vide http://cdiac.esd.ornl.gov/programs/ameriflux/sugarbr.html). O sítio experimental sobre cerrado será implementado em 2000. O projeto contará com a colaboração de um outro projeto já em andamento do Biota-SP, "The conservation feasibility of the cerrado remnants is São Paulo state", coordenado pela Dra. Marisa Bittencourt, que fornecerá a atualização de relevo, fisionomias de vegetação, estado de conservação nos fragmentos de cerrado e arredores. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
ROCHA, HUMBERTO R. DA; FREITAS, HELBER C.; ROSOLEM, RAFAEL; JUÁREZ, ROBINSON I. N.; TANNUS, RAFAEL N.; LIGO, MARCOS A.; CABRAL, OSVALDO M. R.; DIAS, MARIA A. F. SILVA. Measurements of CO2 exchange over a woodland savanna (Cerrado Sensu stricto) in southeast Brasil. Biota Neotropica, v. 2, n. 1, p. 0-0, 2002.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.
Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.