Busca avançada
Ano de início
Entree

Genética e epigenética da ectopia tireoideana

Processo: 10/12005-9
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de dezembro de 2010 - 31 de agosto de 2013
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Genética - Genética Humana e Médica
Pesquisador responsável:Ileana Gabriela Sánchez de Rubió
Beneficiário:Ileana Gabriela Sánchez de Rubió
Instituição-sede: Instituto de Ciências Ambientais, Químicas e Farmacêuticas (ICAQF). Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP). Campus Diadema. Diadema , SP, Brasil
Pesq. associados: Cristina Takami Kanamura
Assunto(s):MicroRNAs  Glândula tireoide  Expressão gênica 

Resumo

Falhas no desenvolvimento da glândula tireóide ou disgenesias tireoidianas (DTs) são a causa mais freqüente do Hipotireoidismo Congênito (HC) (70-80% dos casos). As DTs incluem a ectopia (tecido tireóideo fora da posição cervical normal, 65% dos casos), a atireose (tecido tireóideo indetectável, 15%) e a hipoplasia (glândula com tamanho reduzido, 10%). Até o momento, a causa genética das DTs foi esclarecida em somente 5% dos pacientes. Os MicroRNAs são pequenos RNAs não codificantes (~22nucleotídeos). Um único microRNA pode regular a expressão de centenas de genes, na fase transcricional ou pós-transcricional. Alterações da expressão de microRNAs perturbam a embriogênese, organogênese, homeostase dos tecidos e o ciclo celular. Poucos estudos abordaram os microRNAs em patologias tireoidianas diferentes do câncer. Este projeto tem como objetivos: 1) avaliar a presença de mutações somáticas do gene FOXE1 (sabidamente associado à migração da tireóide) em tecidos tireoidianos ectópicos humanos (n=6); 2) determinar o perfil de expressão protéica dos genes: PAX-8, FOXE1, NKX2.1, TSHR (associados às DTs) e TPO, TG, NIS (específicos da tireoide) por imunohistoquímica nas mesmas amostras; 3) avaliar a expressão de microRNAs nos tecidos tireoidianos ectópicos e não ectópicos (n=9), para identificar novas moléculas ou genes que possam estar associados à ectopia tireoideana; 4) realizar o estudo da função dos microRNAs na célula tireoidiana para determinar sua possível participação na ectopia e na fisiopatologia da tireóide. Os resultados deste estudo serão inéditos e de grande relevância para o entendimento da genéticas/epigenética das DTs, do HC, da fisiopatologia da tireóide, embriogênese e da ação dos microRNAs na células tireoideana. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
CAMARGO, ROSALINDA YASATO; KANAMURA, CRISTINA TAKAMI; FRIGUGLIETTI, CELSO UBIRAJARA; NOGUEIRA, CELIA REGINA; IORCANSKY, SONIA; TINCANI, ALFIO JOSE; BEZERRA, ANA KARINA; BRUST, ESTER; KOYAMA, FERNANDA CHRISTTANINI; CAMARGO, ANAMARIA ARANHA; REGO, FERNANDA ORPINELLI R.; FAVORETTO GALANTE, PEDRO ALEXANDRE; MEDEIROS-NETO, GERALDO; SANCHEZ RUBIO, ILEANA GABRIELA. Histopathological Characterization and Whole Exome Sequencing of Ectopic Thyroid: Fetal Architecture in a Functional Ectopic Gland from Adult Patient. INTERNATIONAL JOURNAL OF ENDOCRINOLOGY, 2018. Citações Web of Science: 2.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.