Busca avançada
Ano de início
Entree

Diferenciação gonadal e avaliação do efeito da temperatura sobre a determinação sexual em larvas e juvenis de pintado Pseudoplatystoma sp.

Processo: 10/16775-3
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de dezembro de 2010 - 31 de agosto de 2013
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Recursos Pesqueiros e Engenharia de Pesca - Aquicultura
Pesquisador responsável:Laura Satiko Okada Nakaghi
Beneficiário:Laura Satiko Okada Nakaghi
Instituição-sede: Centro de Aquicultura (CAUNESP). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Jaboticabal. Jaboticabal , SP, Brasil
Pesq. associados:Sergio Ricardo Batlouni
Bolsa(s) vinculada(s):11/10305-8 - Diferenciação gonadal e avaliação do efeito da temperatura sobre a determinação sexual em larvas e juvenis de pintado Pseudoplatystoma sp, BP.TT
Assunto(s):Biologia reprodutiva  Peixes  Pseudoplatystoma  Efeitos da temperatura  Determinação do sexo animal 

Resumo

O "Pseudoplatystoma sp" é um gênero popular em cultivo de peixes tropicais, uma vez que apresenta carne sem espinhos de sabor delicado e textura firme. Como a reprodução em cativeiro é o alicerce do cultivo e existem poucos estudos relacionados à biologia reprodutiva e inversão sexual em peixes, merece destaque o estabelecimento de técnicas visando o desenvolvimento de manejo reprodutivo para as matrizes destas espécies. O objetivo do presente trabalho é avaliar o processo de diferenciação gonadal do gênero pseudoplatystoma através de técnicas morfológicas e imunohistoquímicas e também avaliar o processo de diferenciação gonadal deste gênero em diferentes faixas de temperatura, considerando a possibilidade de usar esta ferramenta para induzir a diferenciação sexual fenotípica para a formação de fêmeas, que neste gênero apresentam taxas de crescimento maiores do que as dos machos. As larvas de pseudoplatystoma sp utilizadas neste experimento serão obtidas através da indução hormonal de reprodutores mantidos no Centro de Aqüicultura da UNESP. As amostras serão coletadas desde o momento da fertilização até a completa diferenciação gonadal (máximo 150 dias). As gônadas serão observadas sob microscopia de luz, imuno-histoquímica através dos anticorpos (anti-vasa e anti-aromatase). Para a inversão sexual, um outro lote de larvas serão submetidas a dois distintos tratamentos de temperatura sendo o controle de 26 à 28ºC e o tratamento de 30 à 31ºC; o efeito da temperatura sobre o desenvolvimento gonadal e a proporção sexual serão avaliados da mesma forma como no parágrafo anterior. Espera-se que este conjunto de informações indique a possibilidade de usar temperaturas elevadas para obter altas proporções de fêmeas de pseudoplatystoma em desovas artificiais. Os protocolos obtidos poderão ser transmitidos a produtores de alevinos que trabalham com espécies correlatas a este gênero. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
VALENTIN, FERNANDA N.; NAKAGHI, LAURA S. O.; BATLOUNI, SERGIO R.; DO NASCIMENTO, NIVALDO F.; FARIA PAES, MARIA DO CARMO; DA SILVA, REGIANE CRISTINA; MANZINI, BRENO; CORCHUELO CHAVARRO, SHERYLL YOHANA; CORREA ASSUNCAO, MARCELO HENRIQUE. Testicular differentiation and development in South American catfish, surubim, Pseudoplatystoma fasciatum. Journal of Applied Ichthyology, v. 35, n. 2, p. 529-540, APR 2019. Citações Web of Science: 0.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.