Busca avançada
Ano de início
Entree

Ciliatofauna, cistos de Giardia spp. e oocistos de Cryptosporidium spp. no lodo ativado de uma estação de tratamento de esgoto: instrumentos de avaliação e controle do processo

Processo: 10/16222-4
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de janeiro de 2011 - 31 de dezembro de 2012
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Parasitologia
Pesquisador responsável:Regina Maura Bueno Franco
Beneficiário:Regina Maura Bueno Franco
Instituição-sede: Instituto de Biologia (IB). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Campinas , SP, Brasil
Pesq. associados:José Roberto Guimarães
Assunto(s):Microbiologia ambiental  Lodo de esgoto  Lodo ativado  Tratamento de esgotos sanitários  Giardia  Cryptosporidium 

Resumo

A utilização da microfauna do lodo ativado como ferramenta auxiliar na avaliação da qualidade do esgoto tratado tem-se tornado uma prática crescente. A análise e caracterização da microfauna, a avaliação quanto à remoção de formas resistentes de organismos patogênicos devem ser consideradas como mais um parâmetro na avaliação do desempenho de sistemas de tratamento de esgoto por lodos ativados. No Brasil, a maioria dos sistemas de tratamento de esgotos é monitorada e controlada pelas análises físicas e químicas. A observação da microfauna ainda é um instrumento raro e os seus resultados são, na grande maioria das vezes, subutilizados. O presente estudo objetiva caracterizar e quantificar os ciliados presentes no sistema de lodos ativados da Estação de Tratamento de Esgoto da Bacia do Piçarrão e relacionar com a remoção de cistos de Giardia spp. e oocistos de Cryptosporidium spp., assim como os parâmetros físicos e químicos. A ETE em estudo se destaca pelo diferenciado sistema de tratamento de esgoto, que envolve inicialmente o tratamento anaeróbio seguido pelo por lodos ativados. A pesquisa dos cistos e oocistos será realizada por meio da reação de imunofluorescência direta e para as análises dos protozoários ciliados serão efetuadas observações sob microscópio estereoscópico e de contraste interferencial diferencial (DIC), possibilitando identificação dos organismos in vivo e após impregnação pela prata. Espera-se encontrar uma diversidade distinta de protozoários ciliados se comparado aos outros sistemas convencionais de tratamento, assim como uma maior eficiência de remoção de cistos e oocistos Giardia spp. e de Cryptosporidium, respectivamente. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
VIDAL SIQUEIRA-CASTRO, ISABEL CRISTINA; GREINERT-GOULART, JULIANE ARAUJO; BONATTI, TAIS RONDELLO; YAMASHIRO, SANDRA; BUENO FRANCO, REGINA MAURA. First report of predation of Giardia sp cysts by ciliated protozoa and confirmation of predation of Cryptosporidium spp. oocysts by ciliate species. Environmental Science and Pollution Research, v. 23, n. 11, p. 11357-11362, JUN 2016. Citações Web of Science: 4.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.