Busca avançada
Ano de início
Entree

A determinacão e o seguimento da população de risco de desenvolvimento do melanoma cutâneo através da dermatoscopia digital

Processo: 10/17780-0
Modalidade de apoio:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de fevereiro de 2011 - 31 de janeiro de 2013
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Medicina
Pesquisador responsável:Gisele Gargantini Rezze
Beneficiário:Gisele Gargantini Rezze
Instituição Sede: Hospital A C Camargo. Fundação Antonio Prudente (FAP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Dermatologia  Dermoscopia  Melanoma 
Palavra(s)-Chave do Pesquisador:Dermatoscopia | Dermatoscopia Digital | melanoma cutâneo | Nevos melanociticos | Dermatologia

Resumo

O melanoma cutâneo é uma neoplasia que acomete indivíduos jovens e apresenta comportamento agressivo quando diagnosticado tardiamente. Seu prognóstico pode ser considerado bom se detectado precocemente. Nos últimos anos houve uma grande melhora na sobrevida dos pacientes com este tipo de câncer, principalmente devido à sua detecção precoce. A incidência do melanoma cutâneo em pacientes de pele clara tem aumentado drasticamente na maior parte do mundo nas últimas décadas. A dermatoscopia surgiu como um método não invasivo que pode auxiliar o médico no diagnóstico clínico das lesões pigmentadas da pele, dentre elas, o melanoma. As estruturas dermatoscópicas e as cores, juntamente com as suas distribuições, geralmente podem ajudar na diferenciação entre lesões melanocíticas e não melanocíticas e tumores malignos e benignos. A busca por instrumentos que permitissem uma acurácia diagnóstica ainda melhor que a dermatoscopia somada aos os avanços tecnológicos resultaram no desenvolvimento da dermatoscopia digital. A dermatoscopia digital permite o armazenamento de imagens dermatoscópicas das lesões pigmentadas da pele e sua comparação ao longo do tempo com a possibilidade de identificação de modificações estruturais que podem significar o início da transformação maligna, possibilitando um controle mais apurado dos pacientes de risco e aumento do reconhecimento precoce de melanomas. A determinação da população de risco de desenvolvimento do melanoma cutâneo que necessita da realização deste exame (Mapeamento Corporal Total e Dermatoscopia Digital) é de fundamental importância para a realização do diagnóstico precoce do melanoma cutâneo e diminuição da realização de cirurgias desnecessárias. Porém esta população ainda não foi caracterizada em nosso país justificando o estudo proposto. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre o auxílio:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)