Busca avançada
Ano de início
Entree

Suporte à interação social e inteligência coletiva na Web 2.0

Processo: 10/06897-4
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de fevereiro de 2011 - 31 de janeiro de 2013
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Ciência da Computação
Pesquisador responsável:Marco Aurélio Gerosa
Beneficiário:Marco Aurélio Gerosa
Instituição-sede: Instituto de Matemática e Estatística (IME). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Pesq. associados:Alair Pereira Do Lago ; Artur Simões Rozestraten ; Fabio Kon ; Magnos Martinello ; Maria Laura Martinez ; Roberta Lima Gomes
Bolsa(s) vinculada(s):11/07386-6 - Infraestrutura de execução e segurança dos componentes dos estudos de caso Arquigrafia, aún e balcão de dúvidas, BP.TT
11/01882-1 - Reuso de componentes de software na construção de aplicações colaborativas na web 2.0, BP.TT
Assunto(s):Interatividade  Web 2.0  Inteligência coletiva  Sistemas colaborativos  Redes sociais  Software colaborativo 

Resumo

A colaboração e a interação social são características marcantes da Web 2.0. Das interações entre as pessoas, emerge o que vem sendo chamado de inteligência coletiva. Esse conceito vem ganhando notoriedade no meio acadêmico e no mercado e envolve a busca por conhecimento a partir do processamento da interação e da colaboração em larga escala que acontecem na Internet. Desenvolver, prototipar e experimentar aplicativos com essas características abrange diversas complexidades técnicas e multidisciplinares. Aliadas às tradicionais e bem conhecidas dificuldades de desenvolvimento de sistemas colaborativos, juntam-se as características recorrentes de aplicações Web 2.0, como suporte a múltiplas plataformas, alta necessidade de escalabilidade, integração de serviços, beta perpétuo etc. Neste projeto, investiga-se mais a fundo esses conceitos e é proposto um ferramental técnico-conceitual para instrumentar o desenvolvedor de aplicações colaborativas na Web 2.0. Serão definidos um modelo e uma infraestrutura de execução de componentes reusáveis, interoperáveis e multiplataforma, serão investigados a utilização de algoritmos disponíveis na literatura para processamento de dados visando o suporte à inteligência coletiva e será concebida uma abordagem baseada em engenharia de domínio e linha de produto para instanciação de sistemas colaborativos na Web 2.0. Os resultados desta pesquisa serão aplicados na plataforma Groupware Workbench e na construção de aplicações colaborativas reais, conduzidas com parceiros do projeto. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Revista Pesquisa FAPESP sobre o auxílio::
As cidades em imagens