Busca avançada
Ano de início
Entree

Cadeias quânticas de spins

Processo: 10/51983-6
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Temático
Vigência: 01 de fevereiro de 2011 - 31 de janeiro de 2016
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Física - Física da Matéria Condensada
Pesquisador responsável:Francisco Castilho Alcaraz
Beneficiário:Francisco Castilho Alcaraz
Instituição-sede: Instituto de Física de São Carlos (IFSC). Universidade de São Paulo (USP). São Carlos , SP, Brasil
Auxílios(s) vinculado(s):14/16771-9 - Modelos estocástico de não equilíbrio, AV.EXT
11/50450-7 - Vladimir Rittenberg | Physikalishes Institut de Universitat Bonn - Alemanha, AV.EXT
Bolsa(s) vinculada(s):13/01459-7 - Fenômenos críticos e modelos exatamente integráveis, BP.IC
12/12601-6 - Informações compartidas em sistemas interagentes clássicos e quânticos, BP.PD
Assunto(s):Spin 

Resumo

Desde da introdução do modelo de Heisenberg para a descrição da dinâmica de spins localizados, cadeias quânticas de spins tem se mostrado como ferramentas úteis e importantes no entendimento das flutuações em diversos sistemas físicos. Tais cadeias aparecem em vários tópicos da física e da física-matemática, que subdividimos em: a) Cadeias exatamente integráveis - onde as mesmas correspondem aos operadores de evolução mais simples que podemos formular em problemas de muitos corpos interagentes; b) Física dos fenômenos críticos em geral e suas propriedades termodinâmicas - onde as Hamiltonianas descrevem usualmente as flutuações quânticas à temperatura T = O e/ou térmicas à T ≠ 0, e c) Modelos estocásticos - onde as Hamiltonianas descrevem as flutuações temporais de modelos que possuem estados assintóticos de equilíbrio ou não. Neste projeto temático, em continuação aos dois outros anteriores, realizaremos pesquisas nos três tópicos acima. No tópico a) procuraremos novas cadeias exatamente integráveis utilizando-nos do ansatz do Produto de Matrizes introduzido no âmbito de nosso projeto temático anterior. No tópico b) estudaremos novas cadeias cujos diagramas de fases são ainda indeterminados. Utilizar-no-emos pra tal estudo das consequências da invariância conforme nas propriedades espectrais dos modelos em geometria finita. No tópico c) introduziremos e extenderemos modelos estocásticos existentes com o intuito de se entender quais seriam os ingredientes básicos que determinariam uma simetria conforme espaço-tempo nos modelos estocásticos com estado assintótico de não equilíbrio. Devido à convergência recente de interesses em Teoria da Informação e em Matéria Condensada pretendemos, dentro dos tópicos a), b) e c) estudar o comportamento da informação compartida entre partes extensivas dos sistemas. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre o auxílio:
Pós-doutorado em mecânica estatística com Bolsa da FAPESP