Busca avançada
Ano de início
Entree

A simulação no ensino da enfermagem

Processo: 10/12623-4
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de março de 2011 - 28 de fevereiro de 2013
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Enfermagem - Enfermagem Médico-cirúrgica
Pesquisador responsável:Alessandra Mazzo
Beneficiário:Alessandra Mazzo
Instituição-sede: Escola de Enfermagem de Ribeirão Preto (EERP). Universidade de São Paulo (USP). Ribeirão Preto , SP, Brasil
Pesq. associados:Isabel Amélia Costa Mendes ; José Carlos Amado Martins ; Simone de Godoy Costa
Assunto(s):Educação em enfermagem  Estudantes universitários  Tecnologia educacional 

Resumo

Este projeto tem o objetivo geral de identificar o resultado da aprendizagem de estudantes de graduação em enfermagem sobre o tema "Assistência de enfermagem na retenção urinária", submetidos ao ensino utilizando estratégias de educação a distância (AVA e videoconferência) e diferentes métodos de ensino simulado. Trata-se de projeto multicentrico a ser desenvolvido entre a Escola Superior de Enfermagem de Coimbra (ESENFC) e da Escola de Enfermagem de Ribeirão Preto da Universidade de São Paulo (EERP-USP), após aprovação dos Comitês de Ética em Pesquisa das duas instituições. Em quase sua totalidade este estudo caracteriza-se como não experimental, exploratório e descritivo. Participarão da pesquisa estudantes brasileiros de graduação e licenciatura em enfermagem que aceitarem o convite através da assinatura do Termo de Consentimento Livre e Esclarecido. Os estudantes brasileiros serão divididos aleatoriamente, em dois grupos, sendo que o primeiro grupo terá acesso ao AVA e videoconferência sobre a temática e fará o treinamento em simulador de baixa fidelidade, e o segundo grupo terá acesso ao AVA e videoconferência sobre a temática e participará de videoconferência com transmissão de treino com uso de simulador de alta fidelidade. Os estudantes portugueses terão acesso ao AVA, videoconferência sobre a temática e farão o treino em simulador de alta fidelidade. A revisão da literatura será realizada através da revisão integrativa. O conteúdo sobre a temática será construído no AVA Moodle, ambientado, traduzido e adaptado culturalmente para o português de Portugal. Após assistir a videoconferência os estudantes farão sua avaliação respondendo a um questionário. Os estudantes brasileiros que assistirem ao treino em simulador de alta fidelidade por videoconferência, responderão a um segundo questionário referente ao uso da videoconferência como ferramenta para o ensino. Os questionários utilizados serão traduzidos e adaptados culturalmente para o português de Portugal. Os resultados da aprendizagem dos estudantes submetidos a simulação de baixa e alta fidelidade, e a videoconferência de transmissão do treino com simulação de alta fidelidade serão avaliados por questionário de avaliação de aprendizagem e instrumento de observação sistematizada em atividade simulada em laboratório, com conteúdos validados e adaptados culturalmente por juízes brasileiros e portugueses. O aprendizado dos alunos submetidos ao treino simulado de baixa fidelidade será comparado ao dos alunos submetidos ao treino simulado de alta fidelidade transmitido por videoconferência, caracterizando essa etapa do projeto como estudo experimental pós teste. As análises estatísticas serão realizadas utilizando-se o Statistical Package for the Social Sciences (SPSS), versão 15.0. (AU)

Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.