Busca avançada
Ano de início
Entree

Rede de monitoramento de habitats bentônicos costeiros: ReBentos

Processo: 10/52323-0
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Programa BIOTA - Regular
Vigência: 01 de março de 2011 - 28 de fevereiro de 2015
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Oceanografia - Oceanografia Biológica
Convênio/Acordo: CNPq - SISBIOTA-Brasil
Pesquisador responsável:Alexander Turra
Beneficiário:Alexander Turra
Instituição-sede: Instituto Oceanográfico (IO). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Auxílios(s) vinculado(s):13/50197-5 - Tropical and temperate marine ecosystems: adapting to a changing world, AP.R
Assunto(s):Biodiversidade  Redes de monitoramento  Comunidades marinhas  Bentos  Sistemas bentônicos  Mudança climática 

Resumo

O objetivo geral da presente proposta é a criação e implementação de uma rede integrada de estudos dos habitats bentônicos do litoral brasileiro (ReBentos), vinculada à Sub-Rede Zonas Costeiras da Rede Clima (MCT) e do Instituto Nacional de Ciência e Tecnologia para Mudanças Climáticas (INCT-MC), para detectar os efeitos das mudanças ambientais regionais e globais sobre esses organismos, dando início a uma série histórica de dados sobre a biodiversidade bentônica ao longo da costa brasileira. A presente proposta parte da premissa de que as respostas das comunidades e populações às mudanças climáticas em ecossistemas marinhos podem se acomodar mais rapidamente no oceano aberto (e.g. por migração) do que em regiões costeiras, onde a mobilidade das espécies é mais restrita e os impactos antrópicos são mais severos. Os efeitos das mudanças climáticas somam-se as diversas outras pressões que estes ambientes já sofrem como poluição aquática, sobrepesca e perda ou fragmentação de habitats. Os habitats intermareais e do infralitoral raso poderão estar comprometidos com a elevação do nível do mar, devido à ocupação humana, às modificações e impactos no pós-praia e planície costeira e interação com os ecossistemas naturais adjacentes (terrestres ou de água doce). No Brasil, a pesquisa sobre a estrutura e funcionamento das populações e comunidades dos ecossistemas costeiros encontra-se fragmentada e não focada na avaliação dos Impactos antrópicos e das mudanças climáticas. Desta maneira, diferentes protocolos são aplicados por cada grupo de pesquisa e região. Embora possa responder bem questões específicas e localizadas, isto tem dificultado comparações e integração dos dados, impossibilitando maiores avaliações sobre a situação dos habitats bentônicos e das suas comunidades, assim como a detecção de modificações, independente de suas causas. Adicionando-se ao fato de que muitos dos resultados destas pesquisas não estão disponíveis para a comunidade internacional, a costa brasileira ainda permanece fora das avaliações globais sobre as consequências de modificações antrópicas e climáticas. Neste aspecto é imperativo a integração de pesquisadores da área, a consolidação do conhecimento existente e a implementação de uma rede observacional contínua e permanente. Uma vez estabelecida, a ReBentos buscará o monitoramento contínuo e permanente de parâmetros biológicos e abióticos de regiões intermareais e do infralitoral raso, abrangendo seus mais diversos habitats (recifes corais e rochosos, praias arenosas, manguezais e marismas e fundos não consolidados e banco de fanerógamas) ao longo de grande parte da costa brasileira (até o momento, onze estados dos 17 que compõem a costa brasileira). A obtenção de séries de dados contínuas no tempo e distribuídas no espaço, por tipo de habitat e através de uma gradiente latitudinal, permitirá investigar questões científicas relacionadas a alterações causadas por impactos antropogênicos e modificações climáticas. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre o auxílio:
E-book reúne protocolos para estudo de habitats bentônicos 
Estudo propõe monitoramento dos ecossistemas costeiros marinhos 
Matéria(s) publicada(s) na Revista Pesquisa FAPESP sobre o auxílio:
Cientistas pedem monitoramento de ecossistemas costeiros marinhos 

Publicações científicas (6)
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
ANTONIA CECÍLIA ZACAGNINI AMARAL; GUILHERME NASCIMENTO CORTE; JOSÉ SOUTO ROSA FILHO; MARCIA REGINA DENADAI; LEONIR ANDRÉ COLLING; CARLOS BORZONE; VALÉRIA VELOSO; ELIANNE PESSOA OMENA; ILANA ROSENTAL ZALMON; CRISTINA DE ALMEIDA ROCHA-BARREIRA; JOSE ROBERTO BOTELHO DE SOUZA; LEONARDO CRUZ DA ROSA; TITO CESAR MARQUES DE ALMEIDA. Brazilian sandy beaches: characteristics, ecosystem services, impacts, knowledge and priorities. Brazilian Journal of Oceanography, v. 64, n. spe2, p. 5-16, 2016.
BERCHEZ, FLAVIO AUGUSTO S.; GHILARDI-LOPES, NATALIA PIRANI; CORREIA, MONICA DORIGO; SOVIERZOSKI, HILDA HELENA; PEDRINI, ALEXANDRE DE GUSMAO; URSI, SUZANA; KREMER, LAURA PIOLI; DE ALMEIDA, RENATO; SCHAEFFER-NOVELLI, YARA; MARQUES, VALERIA; BROTTO, DANIEL SHIMADA. Marine and coastal environmental education in the context of global climate changes - synthesis and subsidies for ReBentos (Coastal Benthic Habitats Monitoring Network). Brazilian Journal of Oceanography, v. 64, n. 2 2016. Citações Web of Science: 2.
FLÁVIO AUGUSTO S. BERCHEZ; NATALIA PIRANI GHILARDI-LOPES; MONICA DORIGO CORREIA; HILDA HELENA SOVIERZOSKI; ALEXANDRE DE GUSMÃO PEDRINI; SUZANA URSI; LAURA PIOLI KREMER; RENATO DE ALMEIDA; YARA SCHAEFFER-NOVELLI; VALÉRIA MARQUES; DANIEL SHIMADA BROTTO. Marine and coastal environmental education in the context of global climate changes - synthesis and subsidies for ReBentos (Coastal Benthic Habitats Monitoring Network). Brazilian Journal of Oceanography, v. 64, n. spe2, p. 137-156, 2016.
MARGARETH S. COPERTINO; JOEL C. CREED; MARIANNA O. LANARI; KARINE MAGALHÃES; KCRISHNA BARROS; PAULO C. LANA; LAURA SORDO; PAULO A. HORTA. Seagrass and Submerged Aquatic Vegetation (VAS) Habitats off the Coast of Brazil: state of knowledge, conservation and main threats. Brazilian Journal of Oceanography, v. 64, n. spe2, p. 53-80, 2016.
ZACAGNINI AMARAL, ANTONIA CECLIA; CORTE, GUILHERME NASCIMENTO; ROSA FILHO, JOSE SOUTO; DENADAI, MARCIA REGINA; COLLING, LEONIR ANDRE; BORZONE, CARLOS; VELOSO, VALERIA; OMENA, ELIANNE PESSOA; ZALMON, ILANA ROSENTAL; ROCHA-BARREIRA, CRISTINA DE ALMEIDA; BOTELHO DE SOUZA, JOSE ROBERTO; DA ROSA, LEONARDO CRUZ; MARQUES DE ALMEIDA, TITO CESAR. Brazilian sandy beaches: characteristics, ecosystem services, impacts, knowledge and priorities. Brazilian Journal of Oceanography, v. 64, n. 2 2016. Citações Web of Science: 12.
GHILARDI-LOPES, NATALIA PIRANI; TURRA, ALEXANDER; BUCKERIDGE, MARCOS S.; SILVA, AMANDA CRISTINA; DE SOUZA BERCHEZ, FLAVIO AUGUSTO; DE OLIVEIRA, VALERIA MARQUES. On the perceptions and conceptions of tourists with regard to global environmental changes and their consequences for coastal and marine environments: A case study of the northern Sao Paulo State coast, Brazil. MARINE POLICY, v. 57, p. 85-92, JUL 2015. Citações Web of Science: 4.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.
Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.