Busca avançada
Ano de início
Entree

Potencial de emissão de metano entérico pelos ruminantes: comparativo entre espécies animais e estratégias de mitigação de metano

Processo: 10/19654-2
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de março de 2011 - 28 de fevereiro de 2013
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Zootecnia - Nutrição e Alimentação Animal
Pesquisador responsável:Ives Cláudio da Silva Bueno
Beneficiário:Ives Cláudio da Silva Bueno
Instituição-sede: Faculdade de Zootecnia e Engenharia de Alimentos (FZEA). Universidade de São Paulo (USP). Pirassununga , SP, Brasil
Pesq. associados:Adibe Luiz Abdalla ; Helder Louvandini ; Raul Franzolin Neto ; Teresa Cristina Alves
Assunto(s):Ruminantes  Emissão de gases  Metano  Efeito estufa 

Resumo

O objetivo geral deste estudo é avaliar o potencial de metanogênese de bovinos leiteiros (taurinos - Bos taurus taurus), bovinos de corte (zebuínos - Bos taurus indicus), bubalinos (Bubalus bubalis), ovinos (Ovis aries) e caprinos (Capra hircus), alimentados com dietas semelhantes. Ainda se pretende: i. avaliar, através da técnica in vitro de produção de gases, a eficiência fermentativa ruminal das diferentes espécies de ruminantes; ii. verificar se há diferenças entre as espécies ruminantes quanto à metanogênese durante a fermentação de alimentos volumosos; iii. estudar se a reatividade de uma mesma fonte taninífera (extrato de acácia) é a mesma para as diferentes espécies ruminantes; e iv. estimar a capacidade de mitigação de metano entérico através de adição de taninos na dieta dos animais. O experimento será conduzido nas dependências da FZEA, em colaboração com o CENA, ambas instituições da USP. Serão utilizados 15 animais, sendo três de cada espécie, como doadores de inóculo (conteúdo ruminal). Pela técnica in vitro de produção de gases, serão avaliados os seguintes volumosos: silagem de milho, silagem de capim elefante, feno de Tifton 85, feno de alfafa e capim braquiária. O extrato de acácia será usado como fonte externa de taninos. Concomitantemente ao ensaio convencional de produção de gases, serão realizadas as determinações das emissões de gás metano e das concentrações de ácidos graxos de cadeia curta. O experimento constará, portanto, de 5 fontes de inóculo (animais) para testar 5 alimentos (substratos) com 2 tratamentos cada (com e sem tanino). Estes parâmetros serão ajustados em um delineamento do inteiramente ao acaso. Os resultados serão comparados por teste de Tukey, com nível de probabilidade de 5%. (AU)

Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.