Busca avançada
Ano de início
Entree

Estudo comparativo de métodos diagnósticos da esquistossomose mansoni em áreas de baixa transmissão e prevalência

Processo: 10/52615-0
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de março de 2011 - 28 de fevereiro de 2013
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Medicina - Clínica Médica
Pesquisador responsável:Ronaldo Cesar Borges Gryschek
Beneficiário:Ronaldo Cesar Borges Gryschek
Instituição-sede: Instituto de Medicina Tropical de São Paulo (IMT). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Bolsa(s) vinculada(s):12/11293-6 - Estudo comparativo de métodos diagnósticos da esquistossomose mansoni em áreas de baixa transmissão e prevalência, BP.TT
Assunto(s):Esquistossomose 

Resumo

A esquistossomose continua sendo um importante problema de Saúde Pública que compromete, principalmente as populações com baixas condições sócio-econômicas tanto em áreas rurais como urbanas. Esse projeto se desenvolve no município de Barra Mansa, no estado do Rio de Janeiro que após intervenções de órgãos de saúde pública ao longo das três últimas décadas, cursa com baixa transmissão de esquistossomose mansônica, mantendo uma prevalência estimada em 1%. A baixa sensibilidade dos métodos parasitológicos torna-se evidente nas infecções com baixa carga parasitária, nas áreas endêmicas de baixa prevalência da infecção, nos indivíduos com exposição recente ou tardia e ainda no período pós tratamento. Dessa forma, o diagnóstico da esquistossomose demanda o uso de técnicas de diagnóstico mais sensíveis do que a pesquisa de ovos nas fezes. As alternativas ao método parasitológico clássico são aquelas que envolvem o imunodiagnóstico, seja pela detecção de antígenos parasitários, pela detecção de anticorpos dirigidos contra esses antígenos, bem como pelo diagnóstico molecular, através da pesquisa de material genético do parasito em soro, fezes, urina e tecidos em geral. A justificativa para execução do presente estudo é comparar, de forma sistematizada, a eficácia de métodos diagnósticos, com o intuito de identificar a melhor técnica diagnóstica para ser aplicada em áreas com perfil epidemiológico semelhante para essa. Buscaremos comparar os método parasitológicos de Kato/ Katz e Hoffman; a Reação Periovular (RPO); o DNA de S. mansoni, através da técnica de PCR nas fezes e no soro; a ELISA-IgM (fração TCA-solúvel) e ELISA-IgG. Esse é um estudo radomizado e o tamanho da amostra foi definido para um intervalo de confiança de 95%, estimando-se uma prevalência de 1% e admitindo-se uma variação da estimativa de até 50%. A população estimada no bairro Santa Clara, São Luiz, Nova Esperança, Cantagalo e Siderlândia é de cerca de 7000 habitantes. Assim, o total da amostra envolve 1236 indivíduos, admitindo-se um acréscimo de 40% para reposição de eventuais perdas. Dessa forma, envolve a coleta de fezes e sangue dessa população num trabalho integrado com os órgãos de saúde local, principalmente o programa de saúde da família e os agentes da esquistossomose. (AU)

Publicações científicas (5)
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
CARVALHO ESPIRITO-SANTO, MARIA CRISTINA; ALVARADO-MORA, MONICA VIVIANA; SILVA PINTO, PEDRO LUIZ; ARROYO SANCHEZ, MARIA CARMEN; DIAS-NETO, EMMANUEL; PAGLIUSI CASTILHO, VERA LUCIA; DO NASCIMENTO GONCALVES, ELENICE MESSIAS; CHIEFFI, PEDRO PAULO; DE ALBUQUERQUE LUNA, EXPEDITO JOSE; REBELLO PINHO, JOAO RENATO; CARRILHO, FLAIR JOSE; BORGES GRYSCHEK, RONALDO CESAR. Comparative Study of the Accuracy of Different Techniques for the Laboratory Diagnosis of Schistosomiasis Mansoni in Areas of Low Endemicity in Barra Mansa City, Rio de Janeiro State, Brazil. BIOMED RESEARCH INTERNATIONAL, 2015. Citações Web of Science: 7.
ESPIRITO-SANTO, M. C. C.; SANCHEZ, M. C. A.; SANCHEZ, A. R.; ALVARADO-MORA, M. V.; CASTILHO, V. L. P.; GONCALVES, E. M. N.; LUNA, E. J. A.; GRYSCHEK, R. C. B. Evaluation of the sensitivity of IgG and IgM ELISA in detecting Schistosoma mansoni infections in a low endemicity setting. EUROPEAN JOURNAL OF CLINICAL MICROBIOLOGY & INFECTIOUS DISEASES, v. 33, n. 12, p. 2275-2284, DEC 2014. Citações Web of Science: 8.
CARVALHO ESPIRITO-SANTO, MARIA CRISTINA; ALVARADO-MORA, MONICA VIVIANA; DIAS-NETO, EMMANUEL; BOTELHO-LIMA, LIVIA SOUZA; MOREIRA, JOAO PAULO; AMORIM, MARIA; SILVA PINTO, PEDRO LUIZ; HEATH, ASHLEY R.; PAGLIUSI CASTILHO, VERA LUCIA; DO NASCIMENTO GONCALVES, ELENICE MESSIAS; DE ALBUQUERQUE LUNA, EXPEDITO JOSE; CARRILHO, FLAIR JOSE; REBELLO PINHO, JOAO RENATO; BORGES GRYSCHEK, RONALDO CESAR. Evaluation of real-time PCR assay to detect Schistosoma mansoni infections in a low endemic setting. BMC INFECTIOUS DISEASES, v. 14, OCT 23 2014. Citações Web of Science: 15.
CARVALHO ESPIRITO-SANTO, MARIA CRISTINA; ALVARADO-MORA, MONICA VIVIANA; SILVA PINTO, PEDRO LUIZ; DE BRITO, THALES; BOTELHO-LIMA, LIVIA; HEATH, ASHLEY RICHARD; AMORIM, MARIA GALLI; DIAS-NETO, EMMANUEL; CHIEFFI, PEDRO PAULO; REBELLO PINHO, JOAO RENATO; CARRILHO, FLAIR JOSE; ALBUQUERQUE LUNA, EXPEDITO JOSE; BORGES GRYSCHEK, RONALDO CESAR. Detection of Schistosoma mansoni infection by TaqMan (R) Real-Time PCR in a hamster model. Experimental Parasitology, v. 143, p. 83-89, AUG 2014. Citações Web of Science: 7.
CARVALHO DO ESPIRITO-SANTO, MARIA CRISTINA; ALVARADO-MORA, MONICA VIVIANA; SILVA PINTO, PEDRO LUIZ; CARRILHO, FLAIR JOSE; REBELLO PINHO, JOAO RENATO; BORGES GRYSCHEK, RONALDO CESAR. TWO SEQUENTIAL PCR AMPLIFICATIONS FOR DETECTION OF Schistosoma mansoni IN STOOL SAMPLES WITH LOW PARASITE LOAD. Revista do Instituto de Medicina Tropical de São Paulo, v. 54, n. 5, p. 245-248, SEP-OCT 2012. Citações Web of Science: 7.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.
Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.