Busca avançada
Ano de início
Entree

Análise qualitativa e quantitativa de hormônios hipofisários recombinantes por cromatografia líquida de alta eficiência (HPLC)

Processo: 04/08904-7
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Programa Equipamentos Multiusuários
Vigência: 01 de abril de 2005 - 31 de março de 2007
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Bioquímica - Biologia Molecular
Pesquisador responsável:Paolo Bartolini
Beneficiário:Paolo Bartolini
Instituição-sede: Instituto de Pesquisas Energéticas e Nucleares (IPEN). Secretaria de Desenvolvimento Econômico (São Paulo - Estado). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Cromatografia líquida de alta eficiência  Hormônio do crescimento  Tireotropina  Prolactina 
Página web do EMU: Página do Equipamento Multiusuário não informada
Agendamento de uso: E-mail de agendamento não informado

Resumo

A prolactina humana (hPRL), um hormônio que apresenta inúmeras ações biológicas, está atualmente em fase de testes clínicos para várias aplicações terapêuticas (Soares e cols. Biotechnol Appl Biochem 2000; 32:127-135). São metas do presente projeto a obtenção de vetores bacterianos para expressão de hPRL no periplasma, baseados em promotor ativado pela temperatura (Lambda PL), melhorando os rendimentos de secreção e permitindo sua utilização farmacêutica. Esses vetores após mutagênese sitio-dirigida também serviram para a obtenção e purificação, em escala laboratorial, dos antagonistas de prolactina (hPRL-S179D e hPRL-G129R). Estes análogos, juntamente com as isoformas recombinantes produzidas em célula CHO: NG-hPRL e G-hPRL (já purificadas, porém em pequenas quantidades em nosso laboratório) e da isoforma hPRL 11-199 (purificada no presente projeto), estão sendo caracterizadas quanto a sua ação proliferativa e antiproliferativa em linhagens celulares humanas de câncer de mama (T47D e MCF-7). Há bastante expectativa com relação à ação antitumoral destes antagonistas de prolactina, cuja ação específica contra o câncer de mama e de próstata já foi demonstrada. A esperança é obter uma ação antiproliferativa com relação às células cancerosas prolactino-dependentes análoga àquela já obtida com Tamoxifeno relativamente às células estrógeno-dependentes. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
OLIVEIRA‚ J.E.; DAMIANI‚ R.; VORAUER-UHL‚ K.; BARTOLINI‚ P.; RIBELA‚ M.T.C.P. Influence of a Reduced CO 2 Environment on the Secretion Yield‚ Potency and N-Glycan Structures of Recombinant Thyrotropin from CHO Cells. MOLECULAR BIOTECHNOLOGY, v. 39, n. 2, p. 159-166, 2008.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.
Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.