Busca avançada
Ano de início
Entree

Espectroscopia de fluorêscencia de citros contaminados com cancro cítrico

Processo: 02/13012-2
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de julho de 2003 - 31 de dezembro de 2007
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Física - Física Atômica e Molecular
Pesquisador responsável:Luis Gustavo Marcassa
Beneficiário:Luis Gustavo Marcassa
Instituição-sede: Instituto de Física de São Carlos (IFSC). Universidade de São Paulo (USP). São Carlos , SP, Brasil
Assunto(s):Diagnóstico de doenças em plantas  Espectroscopia óptica  Diodo laser  Fluorescência  Doenças de plantas  Citricultura  Citrus  Cancro (doença de planta)  Xanthomonas axonopodis 

Resumo

Resultados preliminares indicam que a técnica de espectroscopia de fluorescência é capaz de detectar do cancro cítrico em folhas de citros com grande precisão, bem como distinguí-la de outras doenças. Contudo, este estudo tem se limitado apenas a uma variedade de citros e poucas doenças. Para uma possível aplicação desta tecnologia no campo há a necessidade de se estender este estudo. O objetivo deste projeto é a determinação de padrões espectroscópicos via fluorescência de várias doenças mais que atingem citros. A escolha das doenças e das espécies cítricas é baseada na sua importância econômica para o parque citrícola do estado de São Paulo. (AU)