Busca avançada
Ano de início
Entree

Hiperalgesia induzida pelo veneno de Phonetria nigriventer: avaliação dos mecanismos periféricos e centrais

Processo: 00/06965-8
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de setembro de 2000 - 31 de dezembro de 2002
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Farmacologia - Farmacologia Geral
Pesquisador responsável:Yara Cury
Beneficiário:Yara Cury
Instituição-sede: Instituto Butantan. Secretaria da Saúde (São Paulo - Estado). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Dor  Hiperalgesia  Alodinia  Venenos de aranha  Phoneutria nigriventer  Aranhas 

Resumo

Dentre as manifestações clínicas observadas após a picada da aranha Phoneutria nigriventer, a dor é o sintoma mais frequente, sendo de intensidade variável, podendo irradiar-se até a raiz do membro atingido. Apesar da importância clínica, não existem dados na literatura que expliquem os mecanismos envolvidos na sua gênese e evolução. Este trabalho visa avaliar o efeito algogênico deste veneno, determinando-se: a) a cinética da resposta hiperalgésica; b) os mecanismos periféricos - mediação química (participação da histamina, serotonina, bradicinina, citocinas hiperalgésicas, eicosanóides, óxido nítrico, aminas simpatomométicas e taquicininas); participação de AMPc; GMPc e de canais de cálcio e sódio; c) mecanismos centrais - participação de aminoácidos excitatórios, de neurotransmissores e das células da glia; d) o desenvolvimento do fenômeno de alodinia. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.