Busca avançada
Ano de início
Entree

EMU: aquisição de barco para pesquisa oceanográfica

Processo: 09/54161-0
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Programa Equipamentos Multiusuários
Vigência: 01 de janeiro de 2011 - 31 de julho de 2013
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Oceanografia
Pesquisador responsável:Marcelo Dottori
Beneficiário:Marcelo Dottori
Instituição-sede: Instituto Oceanográfico (IO). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Embarcações  Pesquisa científica  Plataforma continental  Gerenciamento costeiro 
Publicação FAPESP:https://media.fapesp.br/bv/uploads/publicacoes/emu_exa_63.pdf
As informações de acesso ao Equipamento Multiusuário são de responsabilidade do Pesquisador responsável
Página web do EMU: Página do Equipamento Multiusuário não informada
Tipo de equipamento:Infraestrutura - Veículos - Equipamento
Fabricante: Fabricante não informado
Modelo: Modelo não informado

Resumo

A aquisição de uma embarcação de médio porte servirá ao atendimento de pesquisa científica a ser desenvolvida na plataforma continental interna e média, especialmente na região sudeste-sul brasileira. A embarcação pleiteada tem porte médio, com 65 pés de comprimento (cerca de 20m), casco de aço naval, com pintura anti-corrosão, motor principal a diesel, grupo gerador, tanques de água doce e de óleo diesel, plataforma lateral para hidrografia, com arco na popa e guincho hidráulico, que permitem o lançamento de diversos equipamentos mais modernos para estudos oceanográficos na área geológica, química, física e biológica. Suas características propiciarão um trabalho mais pertinente à costa do estado de São Paulo e com custo menor. Uma embarcação desse tipo potencializará a atuação do IO-USP em estudos de nível internacional e visando o suporte à gestão, principalmente para políticas públicas recentemente implantadas na região, como o Plano Estadual de Gerenciamento Costeiro e seu Zoneamento Ecológico Econômico e como os planos de manejo das Áreas de Proteção Marinha do Estado de São Paulo. A embarcação pleiteada cobre lacuna existente nos meios flutuantes disponíveis no IO-USP, que são ou de grande porte, como o navio oceanográfico “Prof. W. Besnard” (com 50m de comprimento), ou de pequeno porte, como as traineiras “Veliger II” e “Albacora” (ambas de 14m). Permitirá, desta forma, a realização de coletas em parte da área trabalhada pelo navio, mas com um custo muito menor e terá autonomia para pernoites à bordo de pequena equipe, o que não ocorre com as traineiras, posto que não possuem autonomia para pernoites. A nova embarcação, multifuncional, visa atender os trabalhos em parcerias nacionais e internacionais, especialmente em projetos que envolvem coleta de série temporal de dados ou experimentos in situ com a duração de alguns dias. Disciplinas de graduação e de pós-graduação e trabalhos de conclusão de curso também serão beneficiados com a realização dos trabalhos práticos à bordo, pois a embarcação comportará um maior número de alunos a um custo mais baixo e viável. Hoje em dia, o fator limitante a uma intensificação do uso do navio para fins didáticos é seu alto custo. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Revista Pesquisa FAPESP sobre o auxílio::
Barco Alpha Delphini é inaugurado em Santos 
Alpha Delphini faz sua primeira expedição científica 
Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre o auxílio:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)