Busca avançada
Ano de início
Entree

Ipomoea carnea: estudo da toxicidade crônica em ratos, coelhos e caprinos. II - Estudos de teratogenicidade

Resumo

A ipomoea carnea é uma planta tóxica que vem sendo associada à vários casos de intoxicação natural de bovinos, ovinos, e, principalmente caprinos; por outro lado, poucos são os estudos experimentais realizados com a mesma. Os principais sintomas desta intoxicação são de distúrbios nervosos como a ataxia. Ainda, são relatados efeitos hepatotóxicos, nefrotóxicos e distúrbios sangüíneos. A evolução é lenta e, normalmente, verifica-se emagrecimento acentuado. Os princípios ativos tóxicos presentes na Ipomoea carnea são a suainsonina e a calistegeína B, este ultimo presente em menor quantidade. Estas substâncias têm como mecanismo de ação tóxico a inibição da manosidade, provocando o acúmulo lisossômico de oligossacarídeos não processados. Estes efeitos tóxicos produzidos por estes alcalóides indozilidínicos causarão então distúrbios ao nível do SNC, bem como comprometimento das funções endócrinas, reprodutivas, imunes, alterações das funções gastrintestinais e renais. O objetivo do presente estudo será o de desenvolver modelos de intoxicação tóxicos produzidos pela I. carnea em animais de laboratório e caprinos. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre o auxílio: