Busca avançada
Ano de início
Entree

Efeitos da modulação da oferta difusiva e/ou convectiva de oxigênio na oxigenação cerebral pré-frontal durante o exercício progressivo em pacientes com DPOC com ou sem hipoxemia induzida pelo esforço

Resumo

A oferta de oxigênio aos tecidos depende do conteúdo arterial de O2 (CaO2) e do fluxo sanguíneo (FS) local. A redistribuição do FS dos tecidos inativos para aqueles envolvidos na atividade física (incluído o sistema nervoso central) é um ajuste de fundamental importância para a tolerância ao esforço físico. Em pacientes com doença pulmonar obstrutiva crônica (DPOC), o exercício dinâmico associa-se com reduções variáveis do CaO2; por outro lado, as consequências hemodinâmicas da hiperinsuflação pulmonar e do aumento pronunciado da perfusão da musculatura respiratória, podem diminuir o aporte de O2 cerebral, contribuindo assim para a intolerância ao exercício nesta população de pacientes. (AU)