Busca avançada
Ano de início
Entree

Processamento e caracterização de compósitos Ag/Bi: Sr: Ca: Cu: O para a obtenção de fitas supercondutoras de alta TC

Resumo

Desde 1986, por razões altamente estratégicas, a pesquisa em supercondutores cerâmicos tem avançado muito em ambas as direções da física básica e do desenvolvimento tecnológico. Na área da tecnologia, dentre as formas de aplicação do material destaca-se a fita supercondutora. Segundo E. E. Hellstron, o sistema Bi:Sr:Ca:Cu:O (BSCCO) tem sido o melhor para esta forma de processamento devido à manutenção de suas propriedades supercondutoras ao longo de uma faixa mais extensa de campo magnético e devido à sua baixa toxidade. Neste último Encontro Brasileiro de Supercondutividade (Rio de Janeiro, RJ, 31 de novembro a 08 de dezembro de 1996), muitos trabalhos apresentados mostraram as possíveis aplicações destes supercondutores como, por exemplo: bobinas geradoras de campo magnético, armazenadores de energia, fios de transmissão, geradores de movimento para transporte de passageiros, etc. De modo geral considerou-se a real viabilidade de sua aplicação e os avanços em termos de densidade de corrente crítica dos últimos dez anos, a saber: a partir de Jc = 10 A / cm2 ao atual Jc = 20.000 A / cm2 em auto campo e 77 K, em uma fita de Bi- 2223/ Ag com 1080 m de comprimento (Sumitomo Electric). O objetivo deste projeto é o desenvolvimento de fitas do composto Ag/BSCCO utilizando a prata não só como substrato (ou tubo), na técnica 'powder in tube', como também como elemento formador da cerâmica (intergrãos). Este trabalho tem em vista sua aplicação e terá como base uma experiência anterior em filmes espessos sobre substratos de prata. Além de sua fabricação, a qual envolverá o estudo dos tratamentos térmicos e mecânicos para um bom produto final, também realizaremos a sua caracterização elétrica, magnética e estrutural. (AU)