Busca avançada
Ano de início
Entree

Purificação e caracterização de antígenos de cisticercos (Taenia crassiceps) para o desenvolvimento de reagentes diagnósticos para cisticercose humana

Processo: 97/02245-6
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Parceria para Inovação Tecnológica - PITE
Vigência: 01 de dezembro de 1997 - 31 de dezembro de 2000
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Imunologia - Imunologia Aplicada
Pesquisador responsável:Adelaide José Vaz
Beneficiário:Adelaide José Vaz
Instituição-sede: Faculdade de Ciências Farmacêuticas (FCF). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Empresa: Biolab Merieux S/A
Município: São Paulo
Assunto(s):Cisticercose  Cysticercus  Taenia crassiceps  Saúde pública 

Resumo

A cisticercose é um sério problema de saúde pública no Brasil, causada pela presença da larva da Taenia solium (Cysticercus cellulosae) no organismo humano. As localizações frequentes são músculos estriados, sistema ocular e sistema nervoso central, sendo a forma nervosa, neurocisticercose, considerada a de maior importância clínica. O diagnóstico seguro da neurocisticercose, porém, é dificultado pela grande variedade de quadros clínicos e inconstância dos sintomas apresentados. A tomografia computadorizada de crânio e a ressonância magnética são, atualmente, técnicas que auxiliam no diagnóstico. São, porém, muito caras e nem sempre possibilitam um diagnóstico conclusivo. A avaliação imunológica no soro e sua correlação com o líquido cefalorraquiano (LCR) são elementos determinantes na evolução da doença. Várias técnicas têm sido desenvolvidas para o diagnóstico, tanto no soro quanto no LCR, sendo o teste Elisa o método de escolha. A dificuldade de obtenção de extratos antigênicos a partir de suínos naturalmente infectados e a baixa especificidade dos testes Elisa, principalmente no soro, indicam a necessidade de investir em novos descobrimentos. O objetivo desse projeto, assim, foi a obtenção de antígenos de fonte experimental e o preparo e purificação de frações antigênicas para uso em testes rápidos e de baixo custo, que possibilitem detectar indícios desse mal no organismo humano. A pesquisa chegou ao resultado proposto, estando o produto na etapa de aperfeiçoamento, antes de começar a ser produzido em escala comercial. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Revista Pesquisa FAPESP sobre o auxílio::
Lugar ao sol 
Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre o auxílio:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)