Busca avançada
Ano de início
Entree

Obtenção e caracterização de sistemas de liberação para a quimioterapia tópica do câncer de pele: uso de promotor de absorção e aplicação de iontoforese

Processo: 01/05866-9
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Apoio a Jovens Pesquisadores
Vigência: 01 de agosto de 2001 - 30 de novembro de 2005
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Farmácia - Farmacotecnia
Pesquisador responsável:Renata Fonseca Vianna Lopez
Beneficiário:Renata Fonseca Vianna Lopez
Instituição-sede: Faculdade de Ciências Farmacêuticas de Ribeirão Preto (FCFRP). Universidade de São Paulo (USP). Ribeirão Preto , SP, Brasil
Bolsa(s) vinculada(s):05/52962-4 - Desenvolvimento de formulações iontoforéticas semi-sólidas para o tratamento tópico de tumores cutâneos: estudos in vitro em cultura de células tumorais, BP.MS
05/53780-7 - Liberação iontoforética in vitro de uma porfirina aniônica para a utilização na terapia fotodinâmica de tumores cutâneos, BP.IC
02/12913-6 - Efeito da iontoforese na ultraestrutura da pele de porco em estudos "in vitro" de penetração cutânea da doxorubicina, BP.IC
02/01502-5 - Quimioterapia tópica do câncer de pele: estudos de absorção cutânea da doxorubicina a partir de formulações contendo monoleína como promotor de absorção, BP.IC
01/05867-5 - Obtenção e caracterização de formulações contendo cisplatina para a quimioterapia tópica do câncer de pele: estudos de absorção cutânea, BP.IC
Assunto(s):Neoplasias cutâneas  Materiais cerâmicos  Biomateriais  Quimioterapia  Absorção cutânea 
Publicação FAPESP:http://media.fapesp.br/bv/uploads/pdfs/Investindo...pesquisadores_488_332_332.pdf

Resumo

Este projeto visa ao desenvolvimento de materiais cerâmicos biocompatíveis, revestidos superficialmente com diamante CVD, que atendam aos rigorosos critérios de biocompatibilidade, adaptabilidade e funcionalidade. Serão desenvolvidos materiais cerâmicos avançados, tipicamente compósitos bioativos, tendo como material base uma matriz bioinerte de nitreto de silício (Si3N4). Nesse caso, os materiais contarão com a adição de fases secundárias e agentes de densificação vidrados bioativos do sisterna SiO2-CaO-Na2O. Englobam-se, portanto, nesta proposta, todas as etapas de produção e processamento final dos cerâmicos, sua completa caracterização mecânica e tribológica, buscando-se a otimização de materiais e técnicas usualmente aplicados para a produção dos biomateriais encontrados comercialmente. Pretende- se também investigar a deposição de filmes finos de diamante CVD (Chemical Vapor Deposition) e materiais relacionados sobre essas cerâmicas, avaliando seu potencial emprego em aplicações biomédicas. Em outra vertente, objetiva-se a formação de recursos humanos habilitados nas áreas de engenharia cerâmica e bioengenharia, nucleando grupo de investigação em centros de pesquisa e universidades do Estado de São Paulo, e executando o trabalho proposto no laboratório de materiais cerâmicos da Unesp/Guaratinguetá, interligado por cooperações interdisciplinar e institucional com demais centro de pesquisa da região. (AU)

Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.