Busca avançada
Ano de início
Entree

Desenvolvimento tecnológico de sistemas microambientais para biotérios de criação, manutenção e experimentação de pequenos animais

Processo: 97/07232-0
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Pesquisa Inovativa em Pequenas Empresas - PIPE
Vigência: 01 de janeiro de 1998 - 31 de outubro de 2001
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Medicina Veterinária - Patologia Animal
Pesquisador responsável:Habib Guy Marie Nahas
Beneficiário:Habib Guy Marie Nahas
Empresa:HVAC Engenharia em Sistemas Ambientais Ltda
Município: São Paulo
Assunto(s):Animais de laboratório 

Resumo

O projeto visa estudar a viabilidade técnico-econômica de produzir equipamentos específicos para biotérios no país, com vistas à sua implantação. Para tanto, prevê-se a realização de dois projetos básicos de engenharia, um deles empregando-se a tecnologia convencional e o outro baseado nessa inovação tecnológica. A evolução da pesquisa biomédica tem exigido modelos animais cada vez mais sofisticados em relação ao controle sanitário. A obtenção de animais sanitariamente compatíveis com os melhores padrões internacionais tem exigido considerável aporte de recursos para biotérios, em particular no referente à edificação e equipamentos. Um dos pontos de maior relevância é o controle atmosférico de biotérios, compreendendo o controle de temperatura e umidade relativa, além da correta remoção de poluentes, como a amônia, do ambiente dos animais. A tecnologia atualmente empregada para esse controle utiliza sistemas e equipamentos onerosos e de eficácia discutível, pois, na maioria das vezes, consistem em adaptações de sistemas e/ou equipamentos padronizados para uso em conforto humano. Estão em curso experimentos destinados à definição de equipamentos específicos para biotérios. Os resultados preliminares indicam resultados positivos com relação ao padrão sanitário dos animais, com possibilidade de redução de custos de investimento e manutenção. (AU)

Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.