Busca avançada
Ano de início
Entree

Nucleo rafe magnus esta envolvido na resposta ventilatoria (mas nao a termo-regulatoria) ao co2.

Resumo

A serotonina [5-hydroxytryptamine (5-HT)] está envolvida nas respostas fisiológicas à hipercepnia. Neurônios serotonergicos representam o principal tipo celular (15-20% dos neurônios) do núcleo rafe magnus (RMg), que é um dos núcleos da rafe medular. No presente estudo, nós testamaos as hipoteses: 1) que RMg desempenha papel nas respostas ventilatórias e térmicas à hipercapnia, e 2) que os neurônios serotonergicós da RMg estão envolvidos nestas respostas. Para tanto, nós microinjetamos 1) ácido ibotênico para promover lesão não específica dos neurônios da RMg, ou 2) anti-SERT-SAP (uma imunotoxina que impede a recaptação de serotonina) para lesar especificamente os neurônios serotonérgicos da RMg. Hipercapnia causou hiperventilação e hipotermia em todos os grupos. Lesão não específica do núcleo causou uma significante redução da resposta ventilatória à hipercapnia por meio da redução do volume corrente (Vt) e da frequência respiratória. Ratos submitdos à lesão específica dos neurônios serotonérgicos da RMg não apresentaram diferença significativa na ventilação durante a normocarpnia, mas sim uma redução da resposta ventilatória ao CO2, devido a um menor Vt. A hipotermia induzida pelo CO2 não foi afetada nos 2 grupos experimentais. Os resultados indicam que os neurônios serotonérgicos da RMg não participam da manutenção tônica da ventilação durante a normocarpnia, mas contribuem para a resposta ventilatória ao CO2. Além disto, este núcleo parece não estar envolvido na resposta termoregulatória ao CO2. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre o auxílio:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)