Busca avançada
Ano de início
Entree

Teoria de grupos de pressão e uso político do setor elétrico brasileiro

Processo: 09/08011-6
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Publicações científicas - Livros
Vigência: 01 de outubro de 2009 - 30 de setembro de 2010
Área do conhecimento:Ciências Sociais Aplicadas - Economia
Pesquisador responsável:Edmilson Moutinho dos Santos
Beneficiário:Edmilson Moutinho dos Santos
Instituição-sede: Instituto de Eletrotécnica e Energia (IEE). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Eletricidade  Regulação  Grupos de pressão  Política energética 

Resumo

Os analistas que se limitam a entender a dinâmica do Setor Elétrico Brasileiro (SEB) combase em estudos técnicos e econômicos deixam de incorporar a seus modelos a força dosfenômenos políticos que também o influenciam. Com receitas anuais superiores a R$110bilhões (US$ 50 bilhões) em 2005 e uma configuração institucional intrincada, este setorda economia sempre foi fortemente marcado por forças políticas. Para dar um tratamentomais estruturado a tais forças, o autor adota como ferramenta analítica a Teoria de Gruposde Pressão desenvolvida por Gary S. Becker, prêmio Nobel de Economia em 1992. Estateoria expressa a competição entre grupos pela influência política que os mesmos sãocapazes de exercer e que, em última análise, resulta em benefícios econômicos,representados no modelo de Becker pela diminuição de impostos pagos ou aumento desubsídios recebidos. Este trabalho tem dois objetivos principais: propor uma metodologiade análise de uso político no SEB com base na Teoria de Grupos de Pressão e, pelo estudode dois casos, examinar hipóteses de uso político no SEB. O primeiro caso observa aevolução de impostos e encargos sobre a tarifa de eletricidade e demonstra como o setorfoi crescentemente usado por grupos de pressão política como fonte eficiente dearrecadação de recursos. O segundo caso analisa as regras e resultados de um leilão deenergia promovido pelo governo brasileiro e discute hipóteses sobre o impacto de decisõespolíticas sobre os comportamentos dos competidores. (AU)

Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.