Busca avançada
Ano de início
Entree

Declínio cognitivo e emprego em lúpus eritematoso sistêmico: um estudo prospectivo longitudinal

Processo: 09/08727-1
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Publicações científicas - Artigo
Vigência: 01 de julho de 2009 - 31 de dezembro de 2009
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Medicina - Clínica Médica
Pesquisador responsável:Fernando Cendes
Beneficiário:Fernando Cendes
Instituição-sede: Faculdade de Ciências Médicas (FCM). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Campinas , SP, Brasil
Assunto(s):Neurologia  Qualidade de vida  Neuroimagem  Cognição 

Resumo

Determinar a relação entre declínio cognitivo e atividades laborativas (emprego) em pacientes com lupus eritematoso sistêmico.167 pacientes consecutivos foram avaliados com testes neuropsicológicos. Regressão logistica multivariada foi empregada para análise. No início do estudo, 118 (70.7%) dos 167 pacientes estavam empregados. Na análise multivariada, desemprego foi relacionado com número de domínios cognitivos afetados (odds ratio [OR] 1.76, 95% intervalo de confiança [95% CI] 1.58-6.72), depressão (OR 1.3, 95% CI 1.1-3.1), menor número de anos de educação (OR 0.12, 95% CI 0.02-0.34), e presença de anticorpos anticardiolipina (OR 1.43, 95% CI 1.2-6.1). (AU)