Busca avançada
Ano de início
Entree

A formação de estrelas de alta massa

Resumo

Este projeto visa estabelecer uma nova linha de pesquisa junto ao recém-formado grupo de astronomia do Instituto de Pesquisa & Desenvolvimento (IP&D) da Universidade do Vale do Paraíba (Univap). O projeto se utilizará de espectroscopia e fotometria no infravermelho próximo (NIR) e médio (MIR), efetuando observações em telescópios de 4 e 8 metros, como o Soar e 3p6 (La Silla- ESO) e Gemini norte e sul. Além dos telescópios em terra, propostas de observação serão submetidas ao telescópio espacial de raios X Chandra e infravermelho Spitzer. Além de observações próprias, os bancos de dados públicos dos observatórios citados serão explorados durante os três anos de vigência deste projeto. Os dados obtidos nessa ampla faixa espectral serão utilizados para desvendar os mecanismos de formação de estrelas de alta massa, com o estudo de objetos estelares jovens e massivos (MYSOs) ainda embebidos em seus casulos progenitores, lançando mão dos modelos de formação mais modernos propostos recentemente. (AU)