Busca avançada
Ano de início
Entree

Estudo in vitro do efeito da fototerapia com laser em baixa intensidade sobre a produção de proteínas da matriz dentinária por células-tronco de polpa dentária humana

Processo: 11/01943-0
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de setembro de 2011 - 31 de agosto de 2013
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Odontologia - Endodontia
Pesquisador responsável:Marcia Martins Marques
Beneficiário:Marcia Martins Marques
Instituição-sede: Faculdade de Odontologia (FO). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Pesq. associados:Cacio de Moura Netto ; Leila Soares Ferreira ; Nilton Azambuja Junior
Assunto(s):Células-tronco  Fototerapia  Matriz extracelular  Polpa dentária 

Resumo

Trauma em dentes permanentes imaturos pode causar dano à vascularização da polpa dentária com consequente necrose e interrupção do processo de formação radicular. Terapia celular viabilizando a formação de novo tecido pulpar nestes dentes permitiria a continuação da formação dentinária radicular e, por conseguinte, a finalização desse processo. Estudos na área de engenharia tecidual, no intuito de se conhecer os mecanismos de proliferação e diferenciação de células-tronco são de grande valia para seu futuro emprego em terapia celular. A polpa dental é um tecido frouxo composto por células e matriz extracelular (MEC) que tem como funções primordiais formação, proteção e nutrição da estrutura dental. Estudos mostraram que células indiferenciadas da polpa podem atuar como células-tronco adultas, capazes de se diferenciarem em diversos tipos celulares. O potencial de utilização de células-tronco de polpa para terapia celular em dentes que tiveram sua formação radicular interrompida e que necessitam de tratamento endodôntico é imenso e, dessa forma, há um grande interesse em isolar e estudar essas células. Outra terapia que poderia ser agregada à terapia celular é a fototerapia com laser em baixa intensidade (FTLBI). De fato, a FTLBI tem se demonstrado capaz de modular o crescimento, a viabilidade celular, a diferenciação e o processo de síntese e secreção de proteínas de tipos celulares como fibroblastos, osteoblastos e células endoteliais. Vale ressaltar que o aumento da viabilidade celular passa a ser um aspecto importante para as células-tronco, principalmente quando o objetivo do cultivo das mesmas é sua implantação em órgãos humanos durante as terapias celulares. Alguns estudos in vitro já exploraram os efeitos da FTLBI em células-tronco de origem mesenquimal, a exemplo das células-tronco de medula óssea e as derivadas de tecido adiposo. Entretanto, pouco se sabe sobre os efeitos da FTLBI em células-tronco provenientes da polpa dentária humana. O entendimento de como estimular o crescimento, diferenciação, bem como a síntese, produção e secreção das proteínas da matriz extracelular (DSP, DPP, DMP-1, osteocalcina e colágeno 1) nestas células possibilitará futuramente estudos de regeneração de tecidos dentais. Portanto, o objetivo deste projeto é avaliar a influência da FTLBI no crescimento e na produção das proteínas da matriz dentinária por uma linhagem de células-tronco adultas originária de polpa de dente decíduo humano (SHED-GFP). Mais especificamente pretendemos estudar in vitro a proliferação e a expressão de proteínas da MEC relacionadas à dentinogênese das células SHED-GFP irradiadas e não irradiadas. Para tanto serão utilizadas as técnicas de análise de viabilidade celular (atividade mitocondrial pela redução do MTT), imunofluorescência, Western-blot e PCR em tempo real. Os dados numéricos serão comparados estatisticamente por teste a ser definido pela análise da normalidade dos resultados, enquanto os dados de morfologia serão apresentados de forma qualitativa e/ou ilustrativa. (AU)