Busca avançada
Ano de início
Entree

Regulação da expressão do gene SLC2A4 pelo fator de transcrição nuclear factor NF-Kappa B (NF-kB): controle direto da atividade ranscricional?

Processo: 11/08570-5
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de setembro de 2011 - 31 de agosto de 2013
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Medicina - Clínica Médica
Pesquisador responsável:Ubiratan Fabres Machado
Beneficiário:Ubiratan Fabres Machado
Instituição-sede: Reitoria (RUSP). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Pesq. associados:Daniela Tomie Furuya ; Rosana Cristina Tieko Mori
Assunto(s):Síndrome metabólica  NF-kappa B  Diabetes mellitus  Resistência à insulina 

Resumo

Vários componentes da Síndrome Metabólica estão associados com inflamação. Em especial, a resistência insulínica tem sido associada à inflamação, desempenhando papel chave na gênese do diabetes tipo 2 (DM2) e na evolução do DM 1 e DM2. Na resistência à insulina, diminuída captação de glicose pelos tecidos adiposo e muscular desempenham papel chave, fenômeno amplamente associado à redução da expressão do gene "Solute Carrier 2A4" (SLC2A4), que codifica a proteína transportadora de glicose GLUT4. Entretanto, o mecanismo pelo qual a expressão do SLC2A4 diminui nesta situação ainda é pouco conhecido. Alguns estudos sugerem o envolvimento de cininas inflamatórias, sobre tudo do TNF-alfa, na repressão do SLC2A4, e em estudo anterior, demonstramos que a atividade inflamatória no tecido adiposo de camundongos obesos correlacionava-se com diminuição da expressão do SLC2A4 e com ativação da via do Nuclear Factor-kappa B (NF-kappaB), mediador da ação de várias cininas inflamatórias. Entretanto, até o presente, nenhum estudo demonstrou o controle transcricional do NF-kappaB diretamente no gene SLC2A4. Considerando-se que a região promotora do gene SLC2A4 apresenta sequências (-134/-112 e -82/-60 no gene do camundongo) homólogas a domínios consensos de ligação do NF-kappaB, nossa hipótese é de que esse fator possa agir como repressor direto da atividade transcricional do SLC2A4. Os objetivos (e respectivas estratégias experimentais) do presente projeto são: 1) demonstrar a ligação do NF-kappaB nos domínios -134/-112 e -82/-60 do gene SLC2A4 in vitro (ensaio de mobilidade eletroforética - EMSA, seguido de supershift) e in vivo (ensaio de imunoprecipitação da cromatina - ChIP assay); 2) demonstrar a atividade funcional destes domínios (ensaio de gene repórter); e 3) revelar situações em que o gene SLC2A4 esteja sendo regulado pelo NF-kappaB em células adiposas (3T3L1) e musculares (L6) desafiadas com TBF-alfa, ácidos graxos linoléico e oléico, estradiol, insulina, entre outros, ou ainda em tecidos de ratos e camundongos obesos. Espera-se demonstrar que vários mecanismos reguladores da expressão do GLUT4 agem por meio de ação direta do NF-kappaB na transcrição do gene. Com isto, cria-se um campo alternativo de investigação de mecanismos capazes de controlar (estimular) a expressão do GLUT4, melhorando a sensibilidade insulínica, e contribuindo para o controle glicêmico. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
FURUYA, D. T.; NERI, E. A.; POLETTO, A. C.; ANHE, G. F.; FREITAS, H. S.; CAMPELLO, R. S.; REBOUCAS, N. A.; MACHADO, U. F. Identification of nuclear factor-kappa B sites in the Slc2a4 gene promoter. Molecular and Cellular Endocrinology, v. 370, n. 1-2, p. 87-95, MAY 6 2013. Citações Web of Science: 17.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.