Busca avançada
Ano de início
Entree

Influência dos polimorfismos p53 arg72pro, Mdm2 t309g, Bcl2 c938a e Bax g248a, relacionados com apoptose celular, na susceptibilidade ao melanoma maligno

Processo: 10/18904-5
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de outubro de 2011 - 31 de julho de 2013
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Medicina - Clínica Médica
Pesquisador responsável:Carmen Silvia Passos Lima
Beneficiário:Carmen Silvia Passos Lima
Instituição-sede: Faculdade de Ciências Médicas (FCM). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Campinas , SP, Brasil
Assunto(s):Neoplasias  Melanoma  Genética 

Resumo

A incidência do melanoma maligno (MM) aumentou nas últimas décadas na maioria dos países do mundo. O tumor é responsável pela maioria das mortes por câncer de pele devido à propensão a metastatizar e à refratariedade à terapêutica medicamentosa. Genes como o P53, o MDM2, o BCL2 e o BAX desempenham papel central na regulação de vias de sinalização, que controlam as respostas celulares aos danos ao DNA causados por agentes como a luz ultravioleta, a radiação ionizante e carcinógenos químicos. Esses genes são polimórficos em humanos. Entretanto, são pouco conhecidos os papéis dos polimorfismos P53 Arg72Pro, MDM2 T309G, BCL2 C938A e BAX G248A na ocorrência do MM, bem como em suas manifestações clínicas. Frente ao exposto, esses constituíram os objetivos do presente estudo. Serão avaliados 150 pacientes com MM de pele e 150 controles, pareados aos pacientes por idade, sexo e etnia, atendidos no Hospital das Clínicas da Universidade Estadual de Campinas. As informações clínicas serão obtidas dos pacientes e prontuários pelo pesquisador responsável pelo estudo. A expressão do gene MDM2 será analisada em fragmentos do tumor por imunohistoquímica e as genotipagens serão realizadas por meio da reação em cadeia da polimerase e digestão enzimática.O significado estatístico das diferenças entre grupos será calculado por meio do teste da probabilidade exata de Fisher ou qui-quadrado. As determinações dos riscos de ocorrência do MM, a que pacientes e controles foram submetidos, serão obtidas por meio das razões das chances (ORs) e calculadas considerando um intervalo de confiança de 95%. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre o auxílio:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
OLIVEIRA, CRISTIANE; LOURENCO, GUSTAVO JACOB; RINCK-JUNIOR, JOSE AUGUSTO; DE MORAES, APARECIDA MACHADO; PASSOS LIMA, CARMEN SILVIA. Polymorphisms in apoptosis-related genes in cutaneous melanoma prognosis: sex disparity. MEDICAL ONCOLOGY, v. 34, n. 2 FEB 2017. Citações Web of Science: 0.
BOAS GOMEZ, GABRIELA VILAS; DE OLIVEIRA, CRISTIANE; RINCK-JUNIOR, JOSE AUGUSTO; DE MORAES, APARECIDA MACHADO; LOURENCO, GUSTAVO JACOB; PASSOS LIMA, CARMEN SILVIA. XPC (A2920C), XPF (T30028C), TP53 (Arg72Pro), and GSTP1 (Ile105Val) polymorphisms in prognosis of cutaneous melanoma. TUMOR BIOLOGY, v. 37, n. 3, p. 3163-3171, MAR 2016. Citações Web of Science: 2.
OLIVEIRA, CRISTIANE; LOURENCO, GUSTAVO JACOB; RINCK-JUNIOR, JOSE AUGUSTO; CINTRA, MARIA LETICIA; MORAES, APARECIDA MACHADO; PASSOS LIMA, CARMEN SILVIA. Association between genetic polymorphisms in apoptosis-related genes and risk of cutaneous melanoma in women and men. JOURNAL OF DERMATOLOGICAL SCIENCE, v. 74, n. 2, p. 135-141, MAY 2014. Citações Web of Science: 6.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.