Busca avançada
Ano de início
Entree

Modelagem dinâmica espaço-temporal para a avaliação da disponibilidade,em médioelongo prazo, dos recursos hídricos e seusefeitosna sustentabilidade do desenvolvimento socioeconômico dosistemadas bacias hidrográficas dos rios Piracicaba, Capivari e Jundiaí

Processo: 11/10996-0
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de outubro de 2011 - 30 de setembro de 2013
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Engenharia Agrícola - Engenharia de Água e Solo
Pesquisador responsável:Rodrigo Maximo Sanchez Roman
Beneficiário:Rodrigo Maximo Sanchez Roman
Instituição-sede: Faculdade de Ciências Agronômicas (FCA). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Botucatu. Botucatu , SP, Brasil
Assunto(s):Bacia hidrográfica  Recursos hídricos  Sustentabilidade 

Resumo

A proposta apresentada pretende dar continuidade ao projeto de pós-doutoramento que for aprovado em 2010 (Processo FAPESP 2010/51157-9), e que devido à contratação como docente junto ao Departamento de Engenharia Rural da FCA - Campus Botucatu, da Universidade Estadual Paulista "Júlio de Mesquita Filho" - foi suspendido em Janeiro de 2011. As atividades a serem realizadas neste projeto, pelo docente-pesquisador Prof. Dr. Rodrigo Máximo Sánchez Román, visam dar continuidade ao projeto que ficou sem ser concluído. O projeto de pesquisa visa desenvolver uma ferramenta baseada no pensamento sistémico e na dinâmica de sistemas, utilizando o software Simile, para a modelagem, no tempo e no espaço, do sistema hidráulico das bacias hidrográficas dos rios Piracicaba, Capivari e Jundiaí (BH-PCJ). Com esta ferramenta será possível a analise da tomada de decisão de políticas públicas, em nível de município e seu efeito no sistema das BH-PCJ, sob a perspectiva da dinâmica de sistemas. Assim a gestão destes recursos será favorecida pelos subsídios fornecidos pela análise sistémica dos seus principais componentes: o clima, o sistema hidráulico, os usuários (urbanos, rurais, industriais e ecossistemas) e a aplicação das políticas públicas para a gestão dos recursos hídricos. Devido à importância estratégica da região das BH-PCJ, no Estado de São Paulo, propor uma metodologia amplamente comprovada em âmbito mundial, e que poderá ser aplicada por outros Comitês de Bacia Hidrográfica na gestão dos recursos hídricos visando a preservação e o uso sustentável dos recursos hídricos, é de grande importância para o Estado de São Paulo e para o País. (AU)