Busca avançada
Ano de início
Entree

Efeito da genética e da nutrição materna no terço final da gestação (programação fetal) e do ritmo de crescimento nas fases de cria, recria, terminação, sobre a puberdade, as características da carcaça e a qualidade da carne de tourinhos da raça Nelore

Processo: 11/13400-1
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de outubro de 2011 - 30 de setembro de 2013
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Zootecnia - Produção Animal
Pesquisador responsável:Alexandre Vaz Pires
Beneficiário:Alexandre Vaz Pires
Instituição-sede: Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz (ESALQ). Universidade de São Paulo (USP). Piracicaba , SP, Brasil
Pesq. associados:Gerson Barreto Mourão ; Michael L. Day ; Roberto Sartori Filho
Assunto(s):Gado Nelore  Nutrição animal  Suplementação alimentar  Reprodução animal 

Resumo

Três experimentos serão conduzidos, na Estação Experimental Agrozootécnia Hidelgard Georgina Von Pritzelwitz localizada no distrito de Irerê-Paquerê (Londrina - PR) pertencente à Fundação de Estudos Agrários Luiz de Queiroz (FEALQ), para avaliar o efeito da suplementação no desempenho produtivo e reprodutivo das vacas Nelores e respectivas crias criadas em regime de pasto. O experimento I será realizado com 500 vacas Nelores prenhes de 13 touros conhecidos no terço final da gestação, alocadas em dois tratamentos com 250 vacas cada. Sendo o tratamento controle (sem suplementação protéica no período pré-parto) recebendo apenas mistura mineral. O outro tratamento (suplementação no período pré-parto) em que as vacas receberão uma suplementação de 0,5Kg de farelo de soja + mistura mineral, para avaliar o efeito da suplementação protéica no pré-parto sobre o desempenho produtivo e reprodutivo das suas crias até a idade à puberdade, escore de condição corporal das vacas entre início do tratamento e o parto. O experimento II do 2º mês pós-nascimento até a desmama 250 vacas e 250 bezerros (metade de cada tratamento do Experimento I formando um fatorial 2 x 2), serão alocadas em dois tratamentos: I =Grupo Controle (sem suplementação pós-parto) com acesso a mistura mineral e, II = Grupo com Suplementação energética em creep- feeding (supl. pós-parto) formulado com milho moido, farelo de soja, mistura mineral, vitaminas e monensina, sendo o fornecimento ad libitum em creep-feeding coberto. As vacas de ambos os tratamento receberão apenas mistura mineral em cocho coberto e acesso a pasto. Após a desmama (Experimento III) os bezerros serão alocados novamente formando um fatorial 2 (com e sem Supl pré-parto) x 2 (com e sem supl. bezerros) x 2 (confinamento ou pasto após a desmama). Os objetivos destes experimentos serão avaliar: 1- O efeito da suplementação da mãe (pré-parto) e da sua cria na fase de amamentação e pós-desmama sobre o ganho de peso e taxa de crescimento dos bezerros e tourinhos, a idade à puberdade e as características da carcaça e qualidade da carne. 2 - O efeito da suplementação das vacas no período pré parto e de suas crias no período pós-parto, no escore de condição corporal das vacas, assim como, avaliar a taxa de prenhez das vacas suplementadas pré-parto ou que terão suas crias suplementadas. 3 - Avaliar habilidade materna das mães (através do ganho de peso das crias) com a idade do aparecimento da puberdade de seu filho. Assim sendo, será possível avaliar quantitativamente os efeitos das diferentes taxas de crescimento dos bezerros nas fases do crescimento sobre o eixo somatotrófico-reprodutivo, onde os resultados obtidos poderão ser relacionados aos efeitos das épocas de suplementação sobre a idade que tourinhos atingem a puberdade e as características e qualidade da carne. (AU)