Busca avançada
Ano de início
Entree

Autointerseção de imersões, via bordismo normal

Resumo

Os invariantes clássicos à existência de interseções de aplicações estão definidos em grupos de homologia ou cohomologia. O estudo de interseção de funções desenvolvido por nós e por Koschorke, envolvendo a princípio bordismo de aplicações, no sentido de Conner e Floyd, nos leva a crer que é possível obter um invariante à existência de interseção de funções em grupos de bordismo normal, que deve ser o mais forte de todos, porém em muitos casos difíceis de serem calculados. Um dos objetivos deste projeto é obter condições para a existência de interseção de aplicações através de um invariante nos grupos de bordismo de aplicações, que é o de dificuldade média tanto em sua definição como em seu calculo, definir o invariante via bordismo normal e compará-los utilizando resultados de alguns artigos, citados na referência. Como consequência faremos um estudo sobre autointerseção de imersões, usando resultados de imersões obtidos em diversos artigos nossos. Um estudo sobre imersões com campo vetorial normal não nulo será desenvolvido paralelamente, com técnicas semelhantes. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre o auxílio:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)