Busca avançada
Ano de início
Entree

Plauto, anfitrião

Processo: 11/17284-6
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Publicações científicas - Livros no Brasil
Vigência: 01 de novembro de 2011 - 31 de dezembro de 2013
Área do conhecimento:Linguística, Letras e Artes - Letras - Literaturas Clássicas
Pesquisador responsável:Isabella Tardin Cardoso
Beneficiário:Isabella Tardin Cardoso
Instituição-sede: Instituto de Estudos da Linguagem (IEL). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Campinas , SP, Brasil
Assunto(s):Literatura latina  Teatro antigo 

Resumo

O presente livro, composto de estudo e tradução da célebre comédia Anfitrião de Plauto, se guia por um tema intrínseco à peça: as mesclas genéricas. No prólogo da obra plautina, a personagem Mercúrio avisa que a peça será uma "tragicomédia" (tragicocomoedia, v. 59 e 63), porém a análise de alguns trechos da peça, revelam, além de elementos trágicos, também traços de épica (especialmente no discurso de batalha de Sósia, v. 186 - 247, 250 - 62) e de lírica (sobretudo a ária de Alcmena, v. 633 - 53). Uma observação mais atenta sugere, porém, que em Anfitrião as menções e alusões a outros gêneros que não a comédia têm intento paródico, contribuindo para o humor da peça. Tais aspectos são observados tanto no estudo da obra quanto em sua tradução anotada. Esta busca resgatar - quer na versão para o português brasileiro hodierno, quer em notas - efeitos poéticos presentes no texto latino, tratando, na medida do possível, de questões linguístico-estilísticas pertinentes aos versos plautinos. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Revista Pesquisa FAPESP sobre o auxílio::
O teatro do engano