Busca avançada
Ano de início
Entree

Desenvolvimento de porcelanas odontológicas para a confecção de próteses dentárias

Processo: 03/07920-6
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Pesquisa Inovativa em Pequenas Empresas - PIPE
Vigência: 01 de novembro de 2004 - 31 de agosto de 2005
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Odontologia - Materiais Odontológicos
Pesquisador responsável:Roberto Queiroz Martins Alcantara
Beneficiário:Roberto Queiroz Martins Alcantara
Empresa:Angelus-Lab Laboratório de Pesquisa Industrial Ltda
Município: São Paulo
Assunto(s):Porcelana dentária  Ligas metalo-cerâmicas  Prótese dentária  Propriedades físico-químicas 

Resumo

Entre os materiais restauradores utilizados em odontologia, as cerâmicas são os mais antigos e mais utilizados para a confecção de próteses. As cerâmicas apresentam inúmeras vantagens, tais como alta dureza, alta resistência à compressão e ao desgaste, inércia química, estabilidade de cor e, principalmente, excelentes propriedades estéticas. Porém, por ser um material importado, apresenta um custo elevado, justamente devido às taxas e ao preço flutuante do dólar. O desenvolvimento de um produto nacional com características similares ou superiores às porcelanas dentárias importadas e a um menor custo torna-se objeto de grande interesse, tanto para profissionais da área como para a sociedade. Assim, na primeira etapa deste trabalho, serão realizadas as caracterizações físico-químicas das principais linhas de porcelanas comerciais utilizadas como cobertura para restaurações metalocerâmicas. Isso permitirá definir os parâmetros de processo que serão adotados em duas rotas de síntese: a mistura e fusão de óxidos e processo dos precursores poliméricos (Pechini). Uma vez reproduzidas as principais propriedades físicas e químicas, serão realizados os ensaios de aplicação junto a profissionais especializados da área. (AU)