Busca avançada
Ano de início
Entree

Efeito do treinamento físico sobre as respostas cardiovasculares e endócrino-metabólicas de mulheres após a menopausa

Processo: 11/17437-7
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de março de 2012 - 31 de agosto de 2014
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Fisiologia - Fisiologia de Órgãos e Sistemas
Pesquisador responsável:Angelina Zanesco
Beneficiário:Angelina Zanesco
Instituição-sede: Instituto de Biociências (IB). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Rio Claro. Rio Claro , SP, Brasil
Bolsa(s) vinculada(s):12/06613-1 - Efeito do treinamento físico sobre as respostas cardiovasculares e endócrino-metabólicas de mulheres após a menopausa, BP.TT
Assunto(s):Pressão sanguínea  Hipertensão  Exercício físico  Óxido nítrico 

Resumo

Considerando que a mulher vive cerca de oito anos mais que os homens e que após a menopausa a incidência de hipertensão arterial se eleva nessa população. Além disso, significativas mudanças antropométricas ocorrem com maior deposição de gordura na região visceral e alterações do perfil lipídico, com redução dramática dos níveis plasmáticos de HDL colesterol. Assim, este trabalho possui os seguintes objetivos: Avaliação basal: * Avaliar os níveis plasmáticos basais de glicemia; perfil lipídico; cortisol; nitrito/nitrato; GMPc, TBARS, IL-1b, IL-6 e TNF-±, angiotensina II e enzima conversora de angiotensina; * Avaliar os valores de pressão arterial sistólica e diastólica basais durante 24 horas através da monitorização ambulatorial da pressão arterial; Avaliação após treinamento físico:* Verificar a influência do exercício físico crônico e da suplementação com L-arginina aguda em mulheres após a menopausa sobre os níveis plasmáticos de glicemia; perfil lipídico; cortisol; nitrito/nitrato; GMPc, TBARS, IL-1b, IL-6 e TNF-±, angiotensina II e enzima conversora de angiotensina; *Avaliar os valores de pressão arterial sistólica e diastólica basais durante 24 horas através da monitorização ambulatorial da pressão arterial após o treinamento físico aeróbio de oito semanas. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre o auxílio:
Atividade física antes dos 40 ajuda a prevenir hipertensão na menopausa 
Professora da Unesp é nova editora executiva da revista <i>Life Sciences</i> 
Pesquisa avalia impacto dos exercícios em mulheres na menopausa 

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
ANARUMA, CHADI P.; FERREIRA, JR., MAYCON; SPONTON, CARLOS H. G.; DELBIN, MARIA A.; ZANESCO, ANGELINA. Heart rate variability and plasma biomarkers in patients with type 1 diabetes mellitus: Effect of a bout of aerobic exercise. Diabetes Research and Clinical Practice, v. 111, p. 19-27, JAN 2016. Citações Web of Science: 4.
SPONTON, CARLOS H.; ESPOSTI, RODRIGO; RODOVALHO, CYNARA M.; FERREIRA, MAYCON J.; JARRETE, ALINE P.; ANARUMA, CHADI P.; BACCI, JR., MAURICIO; ZANESCO, ANGELINA. The presence of the NOS3 gene polymorphism for intron 4 mitigates the beneficial effects of exercise training on ambulatory blood pressure monitoring in adults. AMERICAN JOURNAL OF PHYSIOLOGY-HEART AND CIRCULATORY PHYSIOLOGY, v. 306, n. 12, p. H1679-H1691, JUN 15 2014. Citações Web of Science: 7.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.