Busca avançada
Ano de início
Entree

Bem estar de bezerros: impacto da dor

Processo: 11/21632-0
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de março de 2012 - 28 de fevereiro de 2014
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Medicina Veterinária - Clínica e Cirurgia Animal
Pesquisador responsável:Alice Maria Melville Paiva Della Libera
Beneficiário:Alice Maria Melville Paiva Della Libera
Instituição-sede: Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia (FMVZ). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Castração animal  Bovinocultura  Bezerros 

Resumo

Castração de bezerros machos é uma prática frequente adotada em muitos sistemas de produção e, que por envolver um importante segmento econômico, é constantemente questionada quanto a suas implicações na otimização do valor desses animais no abate. Influencia a qualidade da carcaça e o temperamento dos animais, porém o estresse do procedimento motiva a avaliação de inúmeras técnicas de castração associadas a diversos protocolos analgésicos para verificar a lesividade ao animal, dor e predisposição a doenças. Afecções como broncopneumonias enzoóticas, uma das principais causas de perdas econômicas na bovinocultura, são condições constantes após eventos estressantes. Com o intuito de verificar se há interferência da resposta imune sistêmica e do trato respiratório após a orquiectomia, a presente pesquisa pretende verificar dor, desconforto e estresse por meio da dosagem de cortisol, padrão de comportamento e postura e dosagem de haptoglobina. Para a verificação da imunocompetência serão avaliados o hemograma, prova funcional de leucócitos sanguíneos por mensuração de citocinas, porcentagem de fagocitose e produção intracelular de peróxido de hidrogênio por leucócitos sanguíneos; e análise citológica, porcentagem de fagocitose e produção intracelular de peróxido de hidrogênio de células da região broncoalveolar. Se o procedimento cirúrgico adotado produzir mínimo ou nenhum desconforto animal, não ocorrerá aumento de susceptibilidade a doenças, principalmente broncopneumonias. A biologia dos animais de produção será respeitada, melhorando seu bem-estar e as expectativas do mercado consumidor continuarão a ser atendidas. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
HELOISA G. BERTAGNON; CAMILA F. BATISTA; JESSYCA B. BELLINAZZI; MARIANA M. CONEGLIAN; ADRIANO F. MENDES; ALICE M.M.P. DELLA LIBERA. Identificação de dor após orquiectomia em garrotes: desenvolvimento de escala análogo visual em comparação a parâmetros fisiológicos, padrões comportamentais e expressão facial. Pesquisa Veterinária Brasileira, v. 38, n. 3, p. -, Mar. 2018.
JESSYCA BERALDI BELLINAZZI; HELOISA GODOI BERTAGNON; CAMILA FREITAS BATISTA; BRUNA PARAPINSKI DOS SANTOS; MARIA GABRIELA BARBOSA LIMA; DANIEL MAGALHÃES LIMA; FERNANDO JOSE BENESI; ALICE MARIA MELVILLE DELLA LIBERA. Efeitos do estresse da orquiectomia na citologia broncoalveolar de bezerros da raça Holandesa. Pesquisa Veterinária Brasileira, v. 33, p. 93-98, Dez. 2013.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.