Busca avançada
Ano de início
Entree

Enzimas lignocelulolíticas produzidas por fungos: estudos funcional e estrutural

Resumo

A lignocelulose, principal componente de materiais tais como madeira e resíduos agrícolas, florestais e urbanos, é formada, principalmente, por três tipos de polímeros: celulose, hemicelulose e lignina. Para que possa ser aproveitada e utilizada na produção de biocombustíveis, a lignocelulose precisa ser quimicamente modificada. Alguns micro-organismos, especialmente fungos, produzem enzimas capazes de degradar lignocelulose através da disponibilização e quebra das cadeias poliméricas constituintes, possibilitando a posterior conversão das moléculas originadas em materiais de interesse (bioconversão). Estudos visando a busca por organismos e enzimas lignocelulósicas com maior potencial de catálise e/ou mais resistentes a condições severas como altas temperatura, são de grande importância no desenvolvimento de tecnologias que têm por objetivo tornar a produção de bioetanol mais competitiva frente aos combustíveis de origem fóssil. A proposta deste projeto tem duas abordagens: 1) Estudo de triagem de dez (10) diferentes fungos para seleção do(s) melhor(es) para produção de enzimas lignocelulolíticas termoestáveis (celulases, hemicelulases e peroxidases). Os fungos selecionados para o estudo ainda não foram caracterizados (ou a presente caracterização ainda é bastante incompleta) quanto a sua capacidade de degradação da lignocelulose, porém, devido ao ambiente em que se encontram, ou devido ao gênero a que pertencem, possuem grande potencial na degradação enzimática desses materiais;2) Estudo de uma xilanase recombinante do fungo Leucoagaricus gongylophorus, simbionte de formiga cortadeira. Neste projeto propomos a obtenção da enzima recombinante e estudos de cristalização da molécula pura para posteriores estudos estruturais da xilanase através de difração de raios-X. As informações de função e estrutura da enzima são importantes para posteriores estudos de melhoramento de suas atividades/estabilidade através de mutações sítio-dirigidas. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
LEME IKE, PRISCILA TOMIE; MOREIRA, ARIELE C.; DE ALMEIDA, FERNANDO G.; FERREIRA, DOUGLAS; BIROLLI, WILLIAN GARCIA; MELEIRO PORTO, ANDRE LUIZ; SOUZA, DULCE HELENA F. Functional characterization of a yellow laccase from Leucoagaricus gongylophorus. SPRINGERPLUS, v. 4, OCT 30 2015. Citações Web of Science: 5.
MOREIRA, ARIELE C.; FERREIRA, DOUGLAS; DE ALMEIDA, FERNANDO G.; RODRIGUES-FILHO, EDSON; FERNANDES, JOAO B.; DAS GRACAS FERNANDES DA SILVA, MARIA FATIMA; VIEIRA, PAULO C.; PAGNOCCA, FERNANDO C.; SOUZA, DULCE HELENA F. Molecular and Kinetic Characterization of Two Extracellular Xylanases Isolated from Leucoagaricus gongylophorus. Applied Biochemistry and Biotechnology, v. 173, n. 3, p. 694-704, JUN 2014. Citações Web of Science: 4.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.