Busca avançada
Ano de início
Entree

Sinalizadores de lesão nas pneumonias intersticiais fibrosantes: impacto funcional e prognóstico

Processo: 08/53022-3
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Apoio a Jovens Pesquisadores
Vigência: 01 de novembro de 2008 - 31 de outubro de 2012
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Medicina - Anatomia Patológica e Patologia Clínica
Pesquisador responsável:Edwin Roger Parra-Cuentas
Beneficiário:Edwin Roger Parra-Cuentas
Instituição-sede: Faculdade de Medicina (FM). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Bolsa(s) vinculada(s):11/06312-9 - Moduladores vasculares de fibrose na fibrose pulmonar idiopática e na esclerose sistêmica: estudo das angiotensinas e dos vasos linfáticos, BP.IC
10/08549-3 - Estudo das cicloxigenases nas doenças pulmonares fibrosantes e seu impacto na sobrevida, BP.IC
09/01163-5 - Ativação de proteinas endoteliais e sua correlação com remodelamento vascular sanguíneo e linfático nas doenças pulmonares fibrosantes, BP.IC
+ mais bolsas vinculadas 09/01462-2 - Modelo experimental de pneumonia intersticial usual/fibrose pulmonar idiopática na avaliação dos colágenos fibrilares, BP.IC
09/01799-7 - Apoptpse no remodelamento e reparo do parênquima pulmonar e sua correlação a marcadores profibróticos nas doenças fibrosantes), BP.IC
09/02199-3 - Participação dos processos de ativação e desativação de proteinas pró e anti-fibróticas e as mudanças do colágeno tipo v nas doenças fibrosantes, BP.IC
08/56579-9 - Sinalizadores de lesao nas pneumonias intersticiais fibrosantes: impacto funcional e prognostico., BP.JP - menos bolsas vinculadas
Assunto(s):Pneumopatias  Doenças pulmonares intersticiais  Fibrose pulmonar  Matriz extracelular  Colágeno  Morfometria  Biologia molecular 
Publicação FAPESP:http://media.fapesp.br/bv/uploads/pdfs/Investindo...pesquisadores_537_358_358.pdf

Resumo

O desbalanço nos mecanismos de sínteses e reabsorção das proteínas da matriz extracelular (MEC) como causa da excessiva deposição descontrolada de fibras de colágeno e de outros componentes da MEC chama a atenção, sendo um ponto crucial nos processos de fibrose pulmonar de doenças como a fibrose pulmonar idiopática (IPF) e a esclerose sistêmica progressiva (SSc). As mudanças arquiteturais severas são o resultado deste desbalanço, levando ao aumento da espessura das paredes alveolares, perda das unidades alvéolo-capilar e insuficiência respiratória, característica deste tipo de doenças. As características estruturais e funcionais dos diferentes componentes da arquitetura pulmonar como; epitélio, endotélio e MEC têm sido arduamente estudados e foram descritos por vários autores previamente. Em contraste, entender e descobrir a causa ou causas que desencadeiam todas estas mudanças morfológicas estruturais de reparo e remodelamento pulmonar ainda são pouco conhecidas e apresentam um grande desafio. Obter informação sobre o papel que cumprem estas estruturas na ativação da fibrogênese por via ultraestrutural e molecular se faz imprescindível para entender melhor o processo de fibrose pulmonar. Para isto é fundamental entender melhor o papel que cumprem os processos de apoptose epitelial e endotelial e a angeogênese no processo de fibrose, entender melhor os possíveis mecanismos de lesão vascular e os componentes da MEC que possam interferir nos processos de sínteses e reabsorção das fibras de colágeno, em especial do colágeno V que é amplamente estudado pela sua participação em processos de rejeição e remodelamento pulmonar. Por estes motivos o objetivo de nosso projeto é entender melhor o processo de apoptose no remodelamento e reparo do parênquima pulmonar e sua correlação com marcadores profibróticos; avaliar a ativação de proteínas endoteliais e sua correlação com mudanças vasculares e vasculo linfáticas e finalmente, estudar os processos de ativação e desativação de proteínas pró e antifibróticas nas mudanças do colágeno tipo V tanto na IPF, SSc e em modelo experimental de IPF. (AU)

Publicações científicas (5)
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
PARRA, E. R.; PINCELLI, M. S.; TEODORO, W. R.; VELOSA, A. P. P.; MARTINS, V.; RANGEL, M. P.; BARBAS-FILHO, J. V.; CAPELOZZI, V. L. Modeling pulmonary fibrosis by abnormal expression of telomerase/apoptosis/collagen V in experimental usual interstitial pneumonia. Brazilian Journal of Medical and Biological Research, v. 47, n. 7, p. 567-575, Jul. 2014. Citações Web of Science: 3.
PARRA, EDWIN ROGER; PINTO RUPPERT, ALINE DOMINGOS; CAPELOZZI, VERA LUIZA. Angiotensin II type 1 and 2 receptors and lymphatic vessels modulate lung remodeling and fibrosis in systemic sclerosis and idiopathic pulmonary fibrosis. Clinics, v. 69, n. 1, p. 47-54, 2014. Citações Web of Science: 4.
PARRA, E. R.; AGUIAR, A. C. JUNIOR; SILVA, L. O.; SOUZA, H. S. P.; ESPINOZA, J. D.; CAPELOZZI, V. L. Morphometric evaluation of nitric oxide synthase isoforms and their cytokine regulators predict pulmonary dysfunction and survival in systemic sclerosis. Brazilian Journal of Medical and Biological Research, v. 46, n. 10, p. 881-891, 2013. Citações Web of Science: 3.
PARRA, E. R.; FALZONI, R.; CAPELOZZI, V. L. Vascular dysfunction by myofibroblast activation in patients with idiopathic pulmonary fibrosis and prognostic significance. Brazilian Journal of Medical and Biological Research, v. 45, n. 7, p. 665-675, JUL 2012. Citações Web of Science: 0.
PARRA, E. R.; ARAUJO, C. A. L.; LOMBARDI, J. G.; AB'SABER, A. M.; CARVALHO, C. R. R.; KAIRALLA, R. A.; CAPELOZZI, V. L. Lymphatic fluctuation in the parenchymal remodeling stage of acute interstitial pneumonia, organizing pneumonia, nonspecific interstitial pneumonia and idiopathic pulmonary fibrosis. Brazilian Journal of Medical and Biological Research, v. 45, n. 5, p. 466-472, MAY 2012. Citações Web of Science: 7.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.